Policial militar é baleado após apitar jogo de futebol em São Vicente; VÍDEO

Subtenente reformado foi atingido por três disparos no bairro Sá Catarina de Moraes

Por: ATribuna.com.br  -  17/01/22  -  10:55
Atualizado em 17/01/22 - 11:02
Mesmo ferido, policial reformado conseguiu dirigir até o Hospital Municipal de São Vicente
Mesmo ferido, policial reformado conseguiu dirigir até o Hospital Municipal de São Vicente   Foto: ATribuna.com.br

Um subtenente da Polícia Militar aposentado, de 57 anos, foi atingido por três disparos de arma de fogo na noite deste domingo (16), no bairro Sá Catarina de Moraes, em São Vicente. Segundo apurado por A Tribuna, a vítima teve o carro cercado por criminosos logo após apitar um jogo de futebol amador na comunidade.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


Segundo apurado por A Tribuna, a vítima teve o carro cercado por criminosos logo após apitar um jogo de futebol amador na comunidade. Mesmo ferido, o policial reformado conseguiu dirigir até o Hospital Municipal de São Vicente. (veja no vídeo abaixo)



Em nota, a Prefeitura de São Vicente afirmou, por meio da Secretaria de Saúde, que o policial reformado deu entrada no Hospital Municipal por volta das 23h deste domingo.


O subtenente passou por avaliações da cirurgia geral, ortopedia e bucomaxilofacia, segundo a administração municipal, e teve alta da emergência na manhã desta segunda-feira (17). Ele segue na enfermaria e seu estado de saúde é estável.


A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP) afirmou em nota que a vítima teve o carro interceptado ao sair de um jogo de futebol e que os criminosos fugiram. Confira a nota na íntegra:


Um policial militar aposentado, de 57 anos, foi baleado, na noite de domingo (16), em São Vicente. Policiais militares acompanhavam uma ocorrência de acidente de trânsito no hospital da cidade, quando a vítima chegou ferida.


A vítima informou que teve o carro interceptado após sair de um jogo de futebol e que os criminosos fizeram os disparos e fugiram. O aposentado dirigiu até o pronto socorro, onde pediu auxílio.
O caso foi registrado como tentativa de homicídio na delegacia da cidade.


Logo A Tribuna