EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

3 de Agosto de 2020

Grávida desfigurada pelo ex no litoral de SP é achada morta misteriosamente dois dias depois

Corpo de Vanessa Cosme de Jesus Pioker, de 34 anos, foi achado em área de mata no bairro Balneário Xandu, em Ilha Comprida

Uma mulher, de 34 anos, foi encontrada morta em uma área de mata no bairro Balneário Xandu, em Ilha Comprida, no Liroral Sul. Segundo informações da Polícia Militar, ela estava grávida. A morte ainda é tratada como um mistério pela polícia.

Identificada como Vanessa Cosme de Jesus Pioker, a vítima foi encontrada, na noite de domingo (21), por um homem que trabalhava próximo ao local. A polícia foi acionada e requisitou a perícia para investigar o caso. A morte foi registrada como suspeita na Delegacia Sede da cidade. 

A identidade da mulher só foi descoberta após o registro. Agora, a Polícia Civil continua investigando o caso para descobrir o que causou a morte de Vanessa. 

Agressão

Segundo informações do G1, a vítima foi agredida pelo seu ex-marido na noite de sexta-feira (19), dois dias antes de seu corpo ser encontrado. 

Por conta dos gritos, moradores chamaram a polícia, que foi orientada por uma vizinha a ir a casa do homem. Segundo a testemunha, ele teria levado Vanessa para a residência após as agressões. 

Ao chegar na casa, os policiais encontraram a vítima escondida entre madeiras e cobertas. O ex-marido tentou fugir, mas foi detido. Na ocasião, Vanessa seguiu até o Pronto Socorro da cidade para atendimento médico. 

Tudo sobre: