EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

22 de Novembro de 2019

Caminhoneiro é preso após dirigir embriagado e bater em caminhão em Cubatão

Acidente aconteceu na Rodovia Cônego Domênico Rangoni; ninguém ficou ferido

Um motorista, de 43 anos, foi preso em flagrante acusado de dirigir embriagado um caminhão Volvo FM11 e colidi-lo em um caminhão Scania T112, que estava parado no acostamento. Porém, ele pagou fiança, sendo solto.

Ninguém se feriu no acidente, ocorrido na última sexta-feira à noite (11), no km 265+800 metros da Rodovia Cônego Domênico Rangoni, no Distrito Industrial de Cubatão. Reboques estavam engatados em ambos os veículos.

De acordo com o motorista do Scania, ele trafegava pela pista sentido Guarujá-Cubatão e decidiu parar no acostamento, porque escutou um barulho estranho no escapamento.

Antes de verificar o escapamento, ainda conforme o motorista do Scania, ele ligou o pisca-alerta e sinalizou a pista com cones e triângulo. Porém, isso não evitou a batida.

Desgovernado e em alta velocidade, o Volvo atingiu a traseira esquerda do caminhão parado. O veículo conduzido por José Manoel retornou para a pista, mas colidiu no lado frontal esquerdo do Scania.

Segundo os policiais rodoviários que atenderam a ocorrência, o caminhoneiro apresentava sinais de embriaguez, com “muita agitação e andar cambaleante”. O acusado admitiu a ingestão de álcool, mas sem mencionar o tipo de bebida e a quantidade.

O motorista aceitou ser submetido ao teste do bafômetro, que teve resultado positivo. O delegado Pedro Augusto Losada Correia, da Delegacia de Cubatão, autuou o motorista do Volvo em flagrante por embriaguez ao volante. O acusado pagou fiança fixada em R$ 10 mil e responderá pelo crime em liberdade. 

Tudo sobre: