Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Carlos Menem, presidente da Argentina por quase uma década, morre aos 90 anos

Menem já estava com a saúde abalada há algum tempo e enfrentava complicações de uma infecção urinária

Por: Da Agência Brasil  -  14/02/21  -  16:14
Ex-presidente argentino governou por quase uma década na Argentina
Ex-presidente argentino governou por quase uma década na Argentina   Foto: Reprodução/Instagram

O ex-presidente da Argentina Carlos Menem morreu neste domingo (14), aos 90 anos, após ser internado no Sanatório Los Arcos, em Buenos Aires. Ele havia sido admitido na unidade por conta de uma infecção urinária.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Na véspera de Natal do ano passado, ele foi induzido ao coma após apresentar insuficiência renal. Mais tarde chegou a ser despertado e se sentia melhor, mas acabou falecendo na mesma clínica.


A saúde do político já estava abalada há algum tempo. No ano passado, Menem chegou a passar 15 dias no Instituto de Diagnóstico e Tratamento, também na capital argentina, em razão de uma pneumonia piorada por seus problemas de diabetes.


Atual senador pela província de La Rioja, Carlos Saul Menem presidiu a Argentina de 1989 a 1999, em uma governança envolta em decisões polêmicas. O ex-presidente deixa três filhos de dois casamentos.


Logo A Tribuna