Zanocelo reconhece atuação ruim do Santos no clássico e fala em 'final' contra o Fortaleza

Para o meio-campo, o Alvinegro ainda é um time em formação e isso justifica a oscilação

Por: Bruno Lima  -  23/11/21  -  19:29
Atualizado em 23/11/21 - 19:30
Zanocelo sabe que o confronto contra o Fortaleza, que busca a Libertadores, não será fácil
Zanocelo sabe que o confronto contra o Fortaleza, que busca a Libertadores, não será fácil   Foto: Ivan Storti/Santos FC

Ainda superando a derrota por 2 a 0 para o Corinthians, no domingo (21), na Neo Química Arena, o Santos se prepara para enfrentar o Fortaleza, quinta-feira (25), às 19 horas, na Vila Belmiro. Apesar do foco já estar no próximo compromisso, a fraca atuação diante do arquirrival ainda dói nos torcedores. Peça importante do meio-campo santista, Vinícius Zanocelo entende que o pífio desempenho do fim de semana é consequência do pouco tempo de trabalho do atual elenco com essa comissão técnica.


"Jogar um clássico é sempre muito difícil. Ainda somos um time em construção. Muito se fala sobre a final da Libertadores, em janeiro, mas se formos ver quantos jogadores ficaram e quantos foram embora, vamos concordar que somos uma equipe em construção. Então, por causa disso, é normal essa oscilação. Mas, no meu entendimento, estamos evoluindo. Claro que é doloroso perder um jogo desses, contra o Corinthians, mas na quinta-feira temos uma outra final e vamos conseguir esses três pontos dentro de casa", disse o camisa 25 em entrevista à Santos TV.


Mesmo não se tratando de um clássico estadual, o duelo frente ao Tricolor cearense também apresentará as suas dificuldades. A equipe que tem o técnico argentino Juan Pablo Vojvoda é uma das sensações da competição e, com 52 pontos, é dona da quinta colocação, sonhando com a primeira classificação à Copa Libertadores da sua história.


De acordo com Zanocelo, o Alvinegro entrará em campo encarando o compromisso como se fosse uma decisão. Com 42 pontos, o Santos é o 12º colocado. Uma vitória mantém o Peixe afastado do Z4. Por outro lado, uma derrota complica a situação santista, que nas próximas duas rodadas irá encarar Internacional e Flamengo fora de casa.


"É uma partida muito difícil. O Fortaleza está na parte de cima da tabela, está brigando por uma vaga na Libertadores, então sabemos que será um jogo muito difícil", disse.


Para não ver o fantasma do rebaixamento voltar a se presente na Vila Belmiro, Zanocelo conta com o apoio da torcida do Santos.


"Contamos com o apoio da nossa torcida para isso (vencer). Sabemos que dentro da Vila somos fortes e ela (a torcida) é o nosso 12º jogador. Tenho certeza que quinta-feira vamos fazer um grande jogo com o incentivo dos nossos torcedores", finalizou.


Logo A Tribuna