EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

10 de Agosto de 2020

Portuguesa Santista empata em casa e perde a vice-liderança do Paulista A2

Briosa saiu na frente do Penapolense, mas cede empate na etapa final e cai para o terceiro lugar na tabela do Paulista A2

A Portuguesa Santista não fez valer o mando de campo, empatou com o Penapolense em 1 a 1, na noite desta quarta-feira (12), no estádio Ulrico Mursa, e perdeu a vice-liderança da Série A2 do Campeonato Paulista. Com 11 pontos, a Briosa foi ultrapassada pelo São Bernardo, que bateu a Portuguesa de Desportos por 2 a 0 e também tem 11, mas está à frente pelo saldo de gols.

A Portuguesa volta a campo neste domingo (16), às 10 horas, também em casa, contra o São Bento, pela sétima rodada da Série A2.

O jogo

Mal começou o jogo e a Portuguesa largou na frente diante do time de Penápolis, que tem uma das piores campanhas do campeonato (é o antepenúltimo colocado). Após falta em cima do lateral-direito Rafael Ferro, Gabriel Terra bateu da direita, direto para o gol, encobrindo o goleiro Léo Lopes.

Um minuto depois, o tempo fechou depois que o centroavante Kalil acertou, sem querer, o arqueiro de Penápolis numa dividida dentro da área. Confusão geral, com bate-boca e empurra-empurra envolvendo vários jogadores, até que o árbitro Kléber Canto dos Santos deu cartão amarelo para o atacante da Briosa.

Com os ânimos serenados, a Portuguesa quase fez o segundo, aos 10 minutos. De novo com Gabriel Terra, que bateu rasteiro da entrada da área, no canto esquerdo, para boa defesa de Léo Lopes.

O Penapolense teve a primeira chance aos 16 minutos, em tiro de Rafinha que João Lucas rebateu. Melhor em campo, a Briosa mantinha o jogo sob controle e Kalil assustou o goleiro do Penapolense com uma bomba da intermediária, aos 22. Léo Lopes defendeu em dois tempos.

Aos 30 foi a vez do Penapolense assustar em uma cobrança de falta. Rafinha bateu da direita, fechado, e João Lucas mandou a escanteio. Dois minutos depois, o arqueiro santista defendeu um tiro rasteiro de  Marcelinho.

Daí até o final da primeira etapa, o jogo ficou mais pegado, com baixo nível técnico, e as duas equipes não criaram oportunidades para mudar o placar.

Etapa final

Os times voltaram sem mudanças e a Briosa quase ampliou logo aos 5 minutos. Galego bateu de fora área, Léo Lopes bateu roupa, mas se redimiu ao impedir o segundo gol santista ao defender, cara a cara, o chute de Santiago, mandando a bola a escanteio.

No minuto seguinte, os treinadores decidiram mexer nas equipes. Sérgio Guedes sacou Santiago para a entrada de Léo Costa, enquanto Alberto Felix mandou Mario Sérgio a campo, para a saída de Junior Palmares.

Aos 10 minutos, Rayllan desperdiçou boa chance, ao cabecear à esquerda do gol, após cruzamento de Ferro pela direita.

O Penapolense mudou de novo, com a entrada de Washington em lugar de Rafinha. E mal entrou em campo, o atacante empatou o jogo, aos 19. Em cobrança de falta frontal à meia-lua da grande área, Washington bateu por cima da barreira, no ângulo esquerdo de João Lucas.

Sérgio Guedes trocou Gabriel Terra por Romarinho na tentativa de retomar à frente no placar. Aos 29, Romarinho bateu falta e após desvio na zaga, Matheus Leal bateu de primeira e Léo Lopes defendeu.

O Penapolense quase virou o jogo em rápido contra-ataque, aos 32. Marcelinho escapou pela esquerda, invadiu a área, esperou a saída de João Lucas e bateu por cima do goleiro. Para sorte da Briosa, a bola saiu raspando o poste esquerdo.

Empurrada pela pequena torcida que foi ao Ulrico Mursa (1.042 pagantes), a Portuguesa tentou ir para o abafa, mas o Penapolense levava perigo nos contragolpes. Apesar do empenho dos dois times, o empate persistiu até o final.

Portuguesa volta a jogar em casa no próximo domingo, às 10h, diante do São Bento (Foto: Matheus Tagé/AT)

Rodada

Nos outros jogos da sexta rodada da primeira fase da Série A2, nesta quarta-feira (12): Votuporanguense 1 x 3 Monte Azul, Juventus 2 x 0 Osasco/Audax, Red Bull Brasil 1 x 0 São Caetano, Sertãozinho 1 x 1 Atibaia, XV de Piracicaba 2 x 1Rio Claro, São Bernardo 2x 0 Rio Claro e Taubaté 1 x 1 São Bento.

Ficha técnica

Portuguesa Santista x Penapolense

Sexta rodada da Série A2 do Campeonato Paulista

12 de Fevereiro de 2020

Portuguesa Santista: João Lucas, Rafael Ferro, Brumati, João Gabriel e Matheus Leal; Tauã, Rayllan (Emerson Guioto), Gabriel Terra (Romarinho) e Galego; Kalil e Santiago (Léo Costa). Técnico: Sérgio Guedes.

Penapolense: Léo Lopes; Anderson Luis, Henrique Mota, Felipe Bortolucci e Gabriel Araújo; Pablo, Junior Palmares (Mario Sérgio), Luiz Menezes e Rafinha (Washington); Maycon Aquino (Makelelê) e Marcelinho. Técnico: Alberto Felix.

Gols: Gabriel Terra (Portuguesa), aos 4 minutos do primeiro tempo, e Washington (Penapolense), aos 20 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Kalil (Portuguesa).

Renda: R$ 15.050,00.

Público: 1.040 pagantes.

Local: Estádio Ulrico Mursa, em Santos.

Tudo sobre: