Destaque da Briosa, João Pedro fica decepcionado após negociação frustrada

Volante seria emprestado para o Vitória, onde ganharia um salário dez vezes maior

O volante João Pedro, de 20 anos, se mostrou decepcionado após a frustração da negociação entre a Portuguesa Santista e o Vitória-BA. Ele seria contratado por empréstimo e ganharia um salário dez vezes maior que o atual. Após se comprometer a fechar o negócio, a Briosa voltou atrás e segurou o atleta para a disputa do Paulista da Série A-2.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

“A proposta do Vitória era boa para o clube e para mim. Seria uma grande oportunidade para minha carreira deslanchar e a Portuguesa ter retorno em um médio prazo. Uma pena que não deu certo, mas agora é focar nos treinos e lutar para colocar a Briosa de volta na elite do futebol paulista”, declarou João Pedro.

Destaque da Briosa na Copa Paulista de 2020, o volante recebeu uma proposta oficial do clube baiano. Após o empréstimo, seria efetuada comrpa ao término da temporada.

“O Vitória fez uma proposta que envolvia o compromisso da compra no final do ano. A Portuguesa receberia R$ 300 mil e ainda ficaria com 20% sobre uma negociação futura. Além disso, o salário do João seria multiplicado por dez. O presidente da Portuguesa até assinou um documento concordando com esses termos, mas acabou mudando de ideia. Eu fui surpreendido e o pessoal do Vitória ficou bastante chateado, mas é vida que segue”, disse Ricardinho, agente do atleta e campeão pela Briosa em 2016.

João Pedro iniciou a trajetória nas categorias de base do São Paulo. Ele coleciona passagens por Red Bull Brasil, Água Santa e Santo André. Está em Ulrico Mursa desde julho do ano passado.

Tudo sobre: