Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Victor Colonese recebe medalha de bronze do Pan de 2019

Atleta dos 10km de maratona aquática herdou o bronze nos Jogos Pan-Americanos de Lima após desclassificação do argentino Guillermo Bertola

Por: Por ATribuna.com.br  -  29/01/21  -  22:52
Com a conquista, o Brasil passa a ter 169 medalhas na classificação final de Lima 2019
Com a conquista, o Brasil passa a ter 169 medalhas na classificação final de Lima 2019   Foto: Isabela Carrari/PMS

O atleta Victor Colonese, da Unisanta, recebeu na tarde desta sexta-feira (29), em Santos, a medalha de bronze dos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, nos 10km da maratona aquática. O atleta herdou o bronze após o argentino Guillermo Bertola, então segundo colocado, ser desclassificado por infração nas normas de controle antidopagem da Federação Internacional de Natação (Fina). Com isso, o nadador baiano de 29 anos, que havia terminado em quarto lugar na competição, com o tempo de 1:54.03.6, ganhou uma posição na classificação final.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


"Essa medalha é muito importante para que a gente continue motivado, lembrando que todo trabalho é reconhecido e para continuar seguindo com foco”, disse o atleta, que subiu ao pódio para receber a peça entregue pelo diretor geral do Comitê Olímpico Brasileiro, Rogério Sampaio e pelo secretário municipal de Esportes, Gelásio Fernandes.


A decisão da realocação da medalha foi confirmada no dia 1° de julho de 2020, após o Comitê Olímpico do Brasil (COB) receber um comunicado oficial da Panam Sports, entidade máxima do esporte no continente, anunciando que a suspensão de Bertola pela Fina implicava a anulação de seus resultados nas temporadas de 2018 e 2019.


Com mais essa conquista, o Brasil passa a ter 169 medalhas na classificação final de Lima 2019: 54 ouros, 45 pratas e 70 bronzes. Foram três pódios nas maratonas aquáticas: além do bronze de Colonese, Ana Marcela Cunha foi campeã da prova feminina e Viviane Jungblut, terceira colocada.


Trajetória


Além de conquistar a medalha de bronze no Campeonato Pan-Americano de Lima, no Peru (2019), Colonese sagrou-se campeão Brasileiro de Maratonas Aquáticas (5km e 10km), em 2018 e 2015. Ganhou três medalhas no Sul-Americano do Peru, sendo ouro por equipes e duas pratas (5 e 10km), em 2018.


Além disso, o atleta também disputou quatro campeonatos mundiais de Desportos Aquáticos da Fina (2011, 2015, 2017 e 2019) e participou de três mundiais universitários (2011, 2013 e 2017). Como 3º sargento do Exército Brasileiro, obteve a 5ª colocação nos Jogos Mundiais Militares (10km), em Wuhan, China, em 2019.


Logo A Tribuna