Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Ronaldo Fenômeno elogia o uso de jovens de Palmeiras e Santos na Libertadores

Ex-jogador comentou sobre a final da Libertadores em evento da patrocinadora oficial da competição

Por: Do Estadão Conteúdo  -  29/01/21  -  23:04
Ronaldo defendeu o compatriota Philippe Coutinho e o técnico Ernesto Valverde da críticas
Ronaldo defendeu o compatriota Philippe Coutinho e o técnico Ernesto Valverde da críticas   Foto: Getty Images Sport

A final da Libertadores entre Palmeiras e Santos, neste sábado (30), no estádio do Maracanã, reúne diversos elementos que fazem deste duelo único na história dos dois clubes. Dentre os vários fatores, o uso de crias da base ganha destaque na campanha dos dois clubes, seja na necessidade de completar elenco, como na valorização das joias da casa junto a jogadores experientes.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Fato é que as chances de atletas recém-promovidos ao profissional de serem destaque da partida são grandes. Um dos principais jogadores brasileiros de todos os tempos, Ronaldo Fenômeno fez questão de destacar o uso da base para que os dois times chegassem à decisão. Em evento da patrocinadora oficial da Libertadores, o ex-jogador elogiou e disse que é 'maravilhoso' ver jovens atletas num evento tão importante.


"É maravilhoso ver que tanto Santos quanto Palmeiras apostam nos meninos, nos jovens talentos da casa", elogiou Ronaldo. "Eu acho maravilhoso essa coragem. O futebol brasileiro sempre teve esses jogadores jovens se destacando com 17, 18, 19 anos... E é bom ver os dois times na final apostando em jovens talentos e pratas da casa."


De um lado, o Santos se viu obrigado a usar os 'Meninos da Vila' por enfrentar grave crise financeira e por estar proibido pela Fifa de trazer reforços. O time profissional conta com oito jogadores de até 21 anos: o atacante Marcos Leonardo (17), o zagueiro Derick e o meia Ivonei (18); o atacante Kaio Jorge (o único titular) e o meia Lucas Lourenço (19); os zagueiros Alex Nascimento e Wagner Leonardo (20) e o atacante Taílson (21).


Já o Palmeiras optou por dispensar contratações milionárias que não deram certo, mantendo o dinheiro em caixa e dando oportunidades a jovens promessas. Danilo, Patrick de Paula, Gabriel Menino e Gabriel Veron são as principais apostas, com destaque em especial para os três primeiros citados.


Logo A Tribuna