Dupla de corredoras dá show nas praias no Torneio Popular de Tamboréu de Praia A Tribuna em Santos

Juliana Dias e Priscila Joswiack, do Independente, são destaques na competição feminina

Por: Anderson Firmino  -  31/10/22  -  07:01
Atualizado em 31/10/22 - 13:23
Juliana Dias e Priscila Joswiack se destacaram no Torneio Popular de Tamboréu A Tribuna
Juliana Dias e Priscila Joswiack se destacaram no Torneio Popular de Tamboréu A Tribuna   Foto: Fabrício Costa/AT

As mulheres vêm dando show no 54º Torneio Popular de Tamboréu de Praia A Tribuna-Terracom. No caso da dupla formada por Juliana Dias e Priscila Joswiack, do Independente, os resultados positivos impressionam ainda mais porque elas estão há pouco mais de um ano na modalidade. Corredoras de longa distância, as duas encontraram na atividade genuinamente santista mais um elo com o esporte.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


“O tamboréu é uma modalidade, às vezes, meio fechada. Eu pedi para jogar algumas vezes, até que uma rede abriu. Depois, fomos para a escolinha da Prefeitura de Santos, no Clube Portuários, gostamos e estamos aqui”, conta Juliana.


Na rodada do último sábado (29), disputada nas areias da Praia da Pompeia, em Santos, a dupla mediu forças em três partidas: perdeu para Dulce/Branca/Cris (AABB) e venceu Paula/Andressa (Independente) e Natania/Lucia (AABB). O segredo: intuição e golpes com o máximo de força para o meio da quadra, buscando fugir da ação do vento.


“A gente ainda não descobriu o segredo (de como lidar com o vento). Jogamos há pouco tempo e é meio intuitivo”, diz Priscila. A parceira complementa: “Aqui, não tem espaço para mimimi. A mão faz até calo (risos)”, emenda Juliana.


Corredoras

A dupla mostra entrosamento também ao falar do pedestrianismo, uma paixão em comum. No currículo, estão maratonas como as do Rio de Janeiro e Buenos Aires, além das provas promovidas pelo Grupo Tribuna, como os 10 KM Tribuna FM.


“O segredo, em qualquer esporte, é a dedicação nos treinos, além de muito foco, especialmente no início. Depois, isso ‘vicia’ e cria-se uma rotina. É importante ter comprometimento”, ensinam as jogadoras, prontas para novos desafios.


Logo A Tribuna
Newsletter