Rogério Santos dispara na liderança na corrida para a Prefeitura de Santos

Candidato do PSDB tem 37,7% das intenções de voto segundo levantamento do IPAT

A 20 dias das eleições, o candidato do PSDB à Prefeitura de Santos, Rogério Santos, disparou na preferência do eleitorado, assumindo o primeiro lugar na disputa pelo comando do Município. Ele tem 37,7% das intenções de votos no segundo levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisas A Tribuna (IPAT).,

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Para a segunda colocação, o cenário apresenta indefinição por parte dos eleitores. Seis candidatos aparecem tecnicamente empatados: Vicente Cascione (Pros) com 7,2%; Carlos Banha Joaquim (MDB), com 5,1%; Ivan Sartori (PSD), com 4,5%; Douglas Martins (PT), com 2,1%; Delegado Romano (DC), com 1,4% e Guilherme Prado (PSOL), com 1,2%.

“O candidato tucano disparou e os outros candidatos ficaram estagnados. Há um empate generalizado no segundo lugar, levando em conta o limite da margem de erro. Mas com destaque numérico para o Cascione, Banha e Sartori”, avalia o cientista político Alcindo Gonçalves, coordenador do IPAT.

Os demais postulantes têm menos de 1% da intenção de votos. Já os que ainda não sabem em quem votar somam 20,9%. Outros 14% planejam anular ou votar em branco e 2,3% não citaram nenhum deles.

O resultado é da pesquisa estimulada, quando um disco com os nomes é mostrado aos eleitores. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos. O IPAT ouviu 800 pessoas na Cidade nos dias 21 e 22 de outubro. O nível de confiança da pesquisa, registrada na Justiça Eleitoral sob o número SP- 00277/2020, é de 95%.

Comparativo

Rogério Santos teve um aumento de 26,6 pontos percentuais em relação à primeira pesquisa IPAT, feita nos dias 15 e 16 de setembro. No levantamento anterior, o tucano abocanhou 11,1% do interesse dos eleitores, ficando tecnicamente empatado na primeira colocação com Cascione (10,9%) e Banha ( 7,5%).

Na avaliação de Alcindo Gonçalves, a arrancada do tucano está relacionada ao número de eleitores que o reconheceram como o indicado do prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB). O alto índice de aprovação do atual líder do Executivo também é apontado como um ingrediente a mais. No levantamento de setembro, 79% dos entrevistados aprovavam o Governo Paulo Alexandre.

“E na pesquisa de setembro, só 11,5% sabiam que ele era o candidato do Paulo Alexandre. Agora são 68,5%. Então, o crescimento do tucano está associado a esse fenômeno e também ao início da campanha eleitoral. Rogério Santos tem mais tempo no rádio e na TV, contando com a presença do prefeito e 48,6% dos candidatos a vereador são do partido dele ou o estão apoiando”, finaliza Alcindo.

Tudo sobre: