Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Vazamento de gás causa cheiro forte e assusta moradores do Gonzaga, em Santos

Equipe técnica da Comgás controlou o vazamento por volta das 16h30, em trecho de obras na Rua Goiás

Por: Por ATribuna.com.br  -  27/02/21  -  20:31
Obra atingiu a rede de gás encanado
Obra atingiu a rede de gás encanado   Foto: Vanessa Rodrigues/AT

Um vazamento de gás causou cheiro forte e assustou moradores do Gonzaga, em Santos, na tarde deste sábado. O vazamento aconteceu em um trecho de obras na Rua Goiás, entre a Rua Assis Correia e a Avenida Ana Costa.


O trecho em obras era de responsabilidade da Sabesp, concessionária de água e esgoto, que faziam reparos na região. Durante os trabalhos, houve um vazamento em uma tubulação de gás. Moradores da região relataram que sentiram o cheiro forte inicialmente por volta das 15h45.


"Era um cheiro insuportável. Deu pra sentir em vários quarteirões próximos da Rua Goiás. Muita gente está reclamando bastante, no Gonzaga, pois realmente está muito forte", afirmou um morador que prefere não se identificar.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


As obras são de reconstrução do piso da via da Rua Goiás, o que acabou atingindo a rede de gás encanado.Em nota, a Comgás afirmou que soube de um vazamento de gás natural durante obras da Sabesp. Equipe técnica da companhia chegou ao local e eliminou o vazamento às 16h30.


De acordo com a prefeitura, uma equipe da Guarda Municipal esteve no local, e verificou que a Comgas já conteve o vazamento, e a Defesa Civil não precisou ser acionada.


Em nota, aSabesp informou que, durante execução de reparos em rede de esgoto na Rua Goiás esquina com a Rua Assis Corrêa, em Santos, a tubulação de gás foi atingida. Imediatamente a empresa acionou a concessionaria responsável, que já está no local realizando os devidos reparos.


Trânsito


De acordo com a Companhia de engenharia de Tráfego (CET-Santos), os trechos bloqueados para as obras são: Canal 3 x Rua Goiás, e Rua Assis Correia x Rua Alexandre Herculano. Os veículos que vem pelo canal 3, não acessam a Rua Goias. A rota alternativa é a rua Tolentino Filgueiras.


Logo A Tribuna