Santa Casa inaugura nova ala de urgência e emergência

Espaço com 2 mil metros quadrados tem 13 leitos e foi construído com verbas de multas

O novo setor de Urgência e Emergência da Santa Casa de Santos abriu as portas na manhã deste sábado (30). O local, inaugurado na sexta-feira (29), receberá pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

O novo espaço, de 2 mil metros quadrados, foi construído em uma área que era destinada a fisioterapia, mas estava sem utilidade. Tem piso de granito, salas climatizadas, computadores, móveis e equipamentos novos para exames.

São cinco leitos para casos graves, oito de urgência e emergência para casos clínicos e quatro consultórios para Traumatologia e Ortopedia. 

“Não tenho dúvidas de que vai aumentar a quantidade e a qualidade do atendimento aos pacientes, não só de Santos, mas de toda a região. A gente fez um lugar com equipamentos de última geração para atender pacientes politraumas, clínicos e ortopedia. Tudo voltado ao Sistema Único de Saúde”, diz o chefe do Serviço de Urgência e Emergência André Semendille Cortina.

As obras foram feitas com recursos de multas indenizatórias liberadas pelo Ministério Público do Trabalho, aplicadas pela Justiça do Trabalho.

Verbas

O diretor administrativo e financeiro da Santa Casa, Augusto Capodicasa, disse que precisa que a Prefeitura de Santos e o Governo do Estado aumentem a verba para o hospital. “Com o Estado ainda não conversamos. Com a Prefeitura, parcialmente”, disse.

O secretário de Saúde de Santos, Fábio Ferraz, foi convidado, mas não compareceu à solenidade. Os deputados estaduais pela região Kenny Mendes (PP) e Paulo Corrêa (PEN) estiveram na Santa Casa.

“Nós assumimos há 14 dias. A hora que a gente colocar a saúde, a gente vai expor a situação da Santa Casa e do Hospital dos Estivadores. A outra questão são as nossas emendas parlamentares. Coisas pontuais que a gente pode resolver”, disse Corrêa. 

“Usar o nosso poder político para mostrar para o governador (João Doria) a importância da Santa Casa para toda a região. Isso é fundamental e algo que quero trabalhar. Já disse isso no meu primeiro discurso, na semana passada”, completou Kenny.

 

Tudo sobre: