Festa de 'debutante' em Santos ignora pandemia e revolta prefeito e até artistas globais

Caso foi divulgado em um perfil nas redes sociais que denuncia festas que acontecem em todo o Brasil durante a pandemia, sem respeito às normas de prevenção à covid-19.

Por: Por ATribuna.com.br  -  11/01/21  -  10:20
Caso foi divulgado em um perfil nas redes sociais que denuncia festas na pandemia
Caso foi divulgado em um perfil nas redes sociais que denuncia festas na pandemia   Foto: Reprodução/Instagram

Uma festa de debutante realizada em Santos chamou a atenção nas redes sociais neste fim de semana. Indignados, internautas marcaram o prefeito Rogério Santos (PSDB) em uma publicação de uma página e o chefe do Executivo municipal respondeu. Até artistas da TV Globo, como Bruno Gagliasso, criticaram a situação.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


A publicação foi feita neste sábado (9) e mostra um evento acontecendo no Clube de Regatas Saldanha da Gama, em Santos, de acordo com o próprio post. Adolescentes, adultos e crianças aparecem no vídeo sem usar máscara. Além disso, a conta na rede social do DJ da festa e da empresa que organizou o evento também fizeram publicações mostrando o local abarrotado.


O post foi feito por uma página do Instagram especializada em fazer denúncias de festas com aglomerações em que pessoas não usam máscaras contra a covid-19 em meio à pandemia causada pelo coronavírus. Já são mais de 350 publicações na página. O vídeo da festa de debutante em Santos tem mais de 13 mil curtidas e mais de 139 mil visualizações, além de milhares de comentários.


Na publicação, o prefeito Rogério Santos agradece a preocupação da população e diz que as medidas cabíveis serão tomadas. Leia o comentário:


Obrigado a todos que me marcaram nessa publicação. Vamos tomar as providências cabíveis sobre este evento. Já solicitei às equipes da prefeitura para que adotem as medidas legais. É importante a participação da população no sentido de fiscalizar e denunciar, mas o principal é a conscientização da população em não realizar eventos e festas deste tipo sem que haja distanciamento e uso de máscaras, medidas sanitárias essenciais. Neste momento, precisamos da colaboração e entendimento de todos para o sucesso no controle da pandemia.


A organizadora da festa tem o perfil da rede social fechado, e por isso não foi possível entrar em contato com a mesma.


O Clube de Regatas Saldanha da Gama se posicionou com uma nota enviada à Redação. Leia na íntegra:


O Clube de Regatas Saldanha da Gama, diante do ocorrido no último dia 9/1/2021 nas dependências de sua sede social, informa que os atos decorreram de atitudes de terceiros, cessionários de espaço para a realização de evento privado, sem que fossem, por parte dos cessionários, observados os termos do contrato de cessão de espaço e tampouco a legislação vigente.


O secular Clube lamenta o ocorrido, consignando que tais atitudes não representam o cotidiano da Entidade, a qual tomou a atitude de acionar a polícia militar para encerrar a festa e tomará todas as providências contra os reponsáveis pelos dissabores e ocorrência.


Logo A Tribuna