Cães e gatos podem receber microchips de identificação em Santos

Implantação de identificação será realizada a partir de março pela Codevida

Por: De A Tribuna On-line  -  18/02/19  -  12:33
  Foto: Divulgação/ Prefeitura de Santos

Animais de estimação poderão receber microchips de identificação em Santos. Mais de 3 mil microchips estarão disponíveis para sem implantados pela Coordenadoria de Proteção à Vida Animal (Codevida), a partir do dia 11 de março. O serviço será gratuito para animais castrados na unidade; R$ 30 para donos de bichos castrados em outros locais e R$ 80 no caso de animais não castrados.


A implantação de microchips de identificação subcutânea com a numeração do RGA (Registro Geral Animal) é realizada no município desde 2012 pela Secretaria de Meio Ambiente. A tecnologia visa diminuir o risco de perder a identificação do pet. Com o microchip será possível acessar informações como nome e cor do animal, vacinas tomadas e atendimentos recebidos, assim como o nome e endereço do dono.


As informações sobre a implantação como dias e horários podem ser obtidas pelo telefone 3203-5075 ou 3203-5593, das 8h às 12h e das 14h às 17h. Interessados devem apresentar RG, CPF, comprovante de residência em Santos na Codevida, após agendamento, e taxa para a aplicação.


O registro do animal é cadastrado no SIGSantos, sistema de geoprocessamento criado pelo Departamento de Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicações (Detic), da Secretaria de Gestão. O RGA é obrigatório pela lei complementar 533/2005 com o objetivo de realizar a posse responsável.


A iniciativa é do vereador Geonísio Aguiar, o Boquinha (PSDB). Em 2005, o parlamentar apresentou um projeto de lei complementar para que o Centro de Zoonoses da cidade faça um cadastro dos animais, como o RGA (Registro do Animal), para que armazene todas as informações no sistema de banco de dados. "Fico muito contente por essa ação ter sido colocada em prática. Pois, o objetivo da lei é proteger os animais de nossa cidade, conscientizando os donos com as suas responsabilidades", afirma o tucano.


Segundo a Semam, o processo licitatório para a compra de mais 20 mil chips está em andamento. 5 mil animais já receberam o implante desde 2012. A Codevida realiza atendimentos de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, na  Avenida Francisco Manoel s/nº, no Jabaquara.


Logo A Tribuna