Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Após cratera, prefeitura fiscaliza obras da Sabesp no túnel de Guarujá

Administração diz que falta analisar reparo da rede danificada, aterramento e aplicação de nova camada asfáltica no local

Por: Por ATribuna.com.br  -  15/01/21  -  22:10
Volume de chuva foi apontado como responsável pela cratera no túnel da Vila Zilda
Volume de chuva foi apontado como responsável pela cratera no túnel da Vila Zilda   Foto: Reprodução

Após rompimento de tubulação de esgoto no túnel da Vila Zilda, técnicos da prefeitura de Guarujá realizaram, nesta sexta-feira (15), fiscalização nas obras emergenciais realizada pela da Sabesp no local. O incidente fez com que uma cratera fosse aberta no acesso na manhã desta quinta-feira (14). A situação foi registrada por motoristas e pedestres, que ficaram assustados com o ocorrido.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Segundo a administração, já foram avaliadas as válvulas responsáveis pelo controle do volume de efluentes e de rápida solução para manobras de rede já foram instaladas. A expectativa é que seja feita a troca da tubulação rompida, o aterramento dela e proceder com aplicação de nova camada asfáltica.


O cronograma deve ser finalizado no domingo (17), mantendo a previsão de reabertura do túnel para até as 6 horas da manhã de terça-feira (19).


Os prazos foram definidos em uma reunião de emergência na manhã da última quinta-feira (14), no Paço Municipal Moacir dos Santos Filho. O Município notificou a empresa a prestar esclarecimentos formais e estuda as sanções que serão aplicadas à companhia.


“Vamos continuar monitorando os trabalhos para garantir que tudo que foi acordado na reunião emergencial de quinta-feira (14), em especial quanto ao prazo de liberação do túnel. Junto com a Diretoria de Trânsito e demais secretarias estamos fazendo o possível para diminuir os transtornos causados por esse imprevisto por parte da concessionária, afinal trata-se de uma via de acesso fundamental para chegar a diversos pontos da Cidade”, explica o secretário de Infraestrutura e Obras, Adilson de Jesus.


O caso


O fechamento do túnel se deu em razão do rompimento de tubulação de efluentes de esgoto tratado oriundos da Estação de Precondicionamento de Esgotos (EPC), na madrugada desta quinta-feira (14), durante forte chuva, o que causou rupturas e buracos na cobertura asfáltica do túnel, obrigando a interdição para o tráfego de veículos no local. Logo nas primeiras horas do dia, técnicos municipais foram ao local verificar os estragos e orientar o desvio do tráfego de veículos.


Logo A Tribuna