EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

19 de Outubro de 2019

Mulher morre atropelada por empilhadeira enquanto trabalhava em empresa de Cubatão

Segundo testemunha, ela estava mexendo no celular em um ponto cego do equipamento. Corpo está sendo velado na Santa Casa de Santos

Uma funcionária morreu após ser atropelada por uma empilhadeira em uma empresa de Cubatão. O caso ocorreu por volta das 10h desta quinta-feira (3). Segundo informações, Sammyra Cristina Capela era funcionária do Depósito de Containers e Isotanks Cesari desde 2013, ela trabalhava como operária.    

Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, afirma que a mulher estava passando pelo local e parou para mexer no celular. Neste momento, ela ficou localizada em um ponto cego da empilhadeira. Ainda de acordo com a testemunha, o funcionário que operava a máquina não conseguiu vê-la. O equipamento passou por cima da mulher, esmagando seu abdome e membros inferiores. 

“Ela era uma pessoa legal, feliz, de bem. Foi embora de uma forma trágica”, disse a testemunha em entrevista para A Tribuna On-line. Ainda segundo o entrevistado, que trabalhou com a vítima por cinco anos, pessoas próximas de Sammyra estão muito abaladas, e a todo o momento fretados levam funcionários da empresa para o velório.  

O corpo de Sammyra está sendo velado na Santa Casa de Santos. O sepultamento será às 13h no Cemitério do Saboó.  

Em nota, a empresa DEPOTCE informou que dedica-se, com reconhecida idoneidade, à prestação de serviço de movimentação e limpeza de equipamentos, com rígido programa e treinamento de segurança para todos os seus colaboradores.  

Eles relatam que, no dia 03/10/2019, por volta das 10:00hs, infortunadamente, ocorreu acidente nas dependências da empresa. Imediatamente, tal fato foi levado a conhecimento das autoridades competentes, e, de pronto, foi acionado ao Plano de Atendimento de Emergências para prestar os primeiros socorros. 

A empresa reitera os sentimentos e condolências à família da vítima e a todos os demais colaboradores da empresa. Por fim, é certo que a empresa coloca-se à disposição de todas as autoridades para fornecer os esclarecimentos que se fizerem necessário. 

Tudo sobre: