EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

20 de Novembro de 2019

Mureta: Exibição de Arte Urbana reúne obras de trio de artistas na Casa Cinza

Após dar mais cor à cidade, por meio de 13 murais, projeto é concluído com exposição que abre nesta quinta (7)

A arte distribuída em 13 murais pelas ruas de Santos, dentro do projeto Mureta: Exibição de Arte Urbana, ganha uma exposição, que abre as portas ao público nesta quinta (7), na Casa Cinza (Rua da Paz, 51, no Boqueirão).

A mostra contará com uma série de obras individuais e coletivas dos artistas santistas Gionani Monteiro (Bani), Pedro Corrales (Coral) e Igor Grellet (Igana), que usam uma variedade de técnicas da street art, como spray, estêncil, pincel, desenho digital, lambe-lambe e instalações em suas produções.

Seguindo a proposta do projeto Mureta, dando novos significados, revitalizando os espaços e elementos urbanos, a exposição vai utilizar artisticamente todos os materiais usados para a produção dos murais feitos em Santos.

O vernissage acontece nesta quinta, a partir das 18h, quando o público poderá ainda participar de uma intervenção artística feita exclusivamente para o espaço. As 30 primeiras pessoas que chegarem ao local ganham uma obra exclusiva inclusive. A exposição fica em cartaz até domingo.

O projeto

A intenção do trio de artistas, que tem mais de 100 obras realizadas, era incentivar a arte urbana em sua cidade natal, pintando locais públicos, residenciais e comerciais. A ideia surgiu quando, neste ano, eles produziram uma turnê pela Europa, com trabalhos expostos em Paris, Londres e Amsterdã.

Com o conceito de produzir uma galeria de arte a céu aberto, os artistas querem que a arte se torne acessível, além de recriar um espaço público na cidade, propondo questionamentos sobre as relações entre seus habitantes e os espaços cotidianos.

Para concretizar o projeto, foram atrás de patrocínio para custear o material. O galerista-artista-plástico Bernardo Virtuoso, da BR Arte Galeria, ajudou na captação de recursos e fez a curadoria da exposição que está em exibição a partir desta quinta.

Inicialmente, eles pretendiam fazer dez murais, mas conseguiram apoio para 13 obras espalhadas por vários bairros, que começaram a ser feitos em outubro.

Tudo sobre: