EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

28 de Fevereiro de 2020

Arte no Dique recebe sessões de cinema

Animação japonesa 'A Viagem de Chihiro' marca a estreia do projeto Cine Maria Mulata, nesta quarta (18)

Na tentativa de fomentar a cultura cinematográfica entre os jovens moradores da Vila Gilda, em Santos, o Instituto Arte no Dique passará a realizar, quinzenalmente, sessões gratuitas de filmes infantis através do projeto Cine Maria Mulata.

“A grande proposta desse projeto é levar para as crianças da comunidade uma experiência de cinema completa, com direito a filmes, telão, pipoca e refrigerante”, explicou Felipe Seguro, produtor cultural do Arte no Dique e idealizador do Maria Mulata.

A primeira sessão está marcada para as 18h30 desta quarta-feira (18), quando será exibida a premiada animação japonesa 'A Viagem de Chihiro'. Por questões de controle do espaço, é necessário retirar os ingressos com antecedência, que já estão disponíveis no Instituto (Rua Brigadeiro Faria Lima, 1.349, Rádio Clube, Santos).

Cine Maria Mulata

O nome da atividade até pode soar estranho para alguns. Maria Mulata nada mais é do que um pequeno caranguejo que habita áreas de manguezais, como a própria Vila Gilda. “Por ser um bichinho caricato e estar tão presente nos barracos, é uma espécie de animalzinho xodó das crianças”, revelou o organizador.

O projeto terá dois modelos de atuação. Um deles será dedicado às crianças, com sessões nos horários da manhã e da tarde. O outro será direcionado à comunidade, com sessões marcadas para o período da noite.

Por meio desta ação, Felipe espera reforçar a identidade nacional no Cinema, levando em conta o reconhecimento que Santos tem como cidade criativa no mercado audiovisual. “É, também, uma maneira de estar ao lado da Ancine (Agência Nacional do Cinema), que é um órgão oficial do governo federal”, pontuou.

Além de Felipe, também participam da organização os produtores Marcos Vinicius dos Santos e Nice Gonçalvez. O Maria Mulata também conta com o apoio da cineasta Marcela Akaoui.

Tudo sobre: