Novo normal ganha webssérie no Instagram

Santistas produzem Doc de Domingo, com histórias da quarentena

Contar histórias de pessoas que deram novo sentido ao seu trabalho em tempos de pandemia e servem de exemplo para aqueles que tiveram a vida alterada por conta da mudança de rotina a que foram submetidos pela covid-19. Este é o objetivo da webssérie Doc de Domingo, uma iniciativa dos cineastas da Orvalho Filmes, os santistas Eduardo Ferreira, Eric Soares, Gaspar Lourenço e Guilherme Bonfim, que pode ser assistida pelo Instagram.

“No início da pandemia, nós que trabalhamos com audiovisual ficamos parados, mas percebemos que havia muita gente que precisava sair, apesar da pandemia. E resolvemos mostrar como essas pessoas estavam fazendo para levar o sustento para casa”, lembra Ferreira, que dirige a produção.

Com o passar dos episódios, a proposta foi se modificando e, hoje, os personagens contam não só como estão lidando com o isolamento, mas também o entendimento que têm do momento atual, como superar essa fase e as expectativas para o futuro. Cada episódio é disponibilizado no IGTV do Instagram, pelo perfil @docdedomingo, aos domingos. “O feedback tem sido muito bom dos dois lados: das pessoas que são personagens e do público que assiste e se inspira”, diz o diretor. 

Personagens contam suas experiências durante o isolamento social, falam do entendimento que têm do momento atual e das suas expectativas (Fotos: Divulgação)

O cineasta conta, por exemplo, que a motorista de Uber do primeiro episódio, Vivian Canais, falava da queda de movimento do seu trabalho depois da pandemia e que teve que ver outras alternativas, como trabalhar com entregas. “Depois que o vídeo foi ao ar, ela começou a ser chamada para mais serviços. Foi superlegal. E teve gente que mandou um Direct (mensagem direta do Instagram) para gente falando que se inspirou nas histórias quando estava sem saber o que fazer. Foram em busca de outras soluções”.

Série ampliada

A ideia inicial era que a série tivesse 13 episódios (uma relação como o DDD da Baixada Santista) e o último seria lançado no próximo domingo. Mas o projeto deve ganhar um prazo de vida maior. Além do Instagram, neste fim de semana o Doc de Domingo ganha um canal no YouTube.

E os cineastas estão desenvolvendo uma campanha de financiamento coletivo, que deve ser lançada nos próximos dias, para arrecadar recursos para que a webssérie siga com novos relatos semanais até o final do ano. “Há muitas histórias a serem contadas”, pontua Ferreira.

Tudo sobre: