FeirAfro reúne obras afrodescendentes em Santos

O evento, que aconteceria em março, foi adiado devido à pandemia

A partir deste sábado (26), a Estação da Cidadania (Avenida Ana Costa, 340, Campo Grande, Santos), volta a receber eventos literários. O primeiro será o FeirAfro. que acontecerá das 13 às 18 horas, dentro do Projeto Literatura Negra, pelo Coletivo AfroTu e Porto Negro da Baixada Santista.

O evento, que aconteceria em março, foi adiado devido à pandemia. Com a redução da quantidade dos expositores para evitar aglomeração do público, a feira terá a participação de 20 afroempreendedores. 

Todas as normas de segurança e higiene serão seguidas, de acordo com as medidas de segurança da Organização Mundial da Saúde (OMS). Assim, é obrigatório o uso de álcool em gel e de máscaras em todas as tendas. 

O Coletivo AfroTu tem como um dos principais objetivos o acesso a financiamento e plano de negócios, que são um dos principais fatores que impedem os empreendedores negros de crescerem no setor.

“Senti a necessidade de fazer um grupo onde pudéssemos nos reunir. Ainda mais nós, que temos as dores, passamos todas as dificuldades de conseguir realmente empreender, de acreditar. Nem tanto pela gestão, mas é mais a questão da autoestima, de acreditar que o seu produto tem potencial”, conta Luciana da Cruz, artesã da Lumimus Ateliê, e criadora do Coletivo AfroTu, que completa: “Com essa construção de preconceito que foi passada, que acaba sabotando a gente, nós temos uma dificuldade muito grande na desconstrução disso. Mas estamos conseguindo”. 

Campanha

A feira também terá uma campanha de arrecadação de livros sobre a temática negra. Livros novos ou usados, de assuntos diversos como literatura infantil, histórias, contos, poesias, combate ao racismo, movimento negro, mulheres negras. E mais: biografias de personalidades negras, religiosidade afro, cultura negra, literatura africana e todo tipo de literatura que trate de africanidades, produções de autores nacionais e internacionais. 

A arrecadação será para a criação do Espaço Literatura Negra, que estará em uma das tendas da FeirAfro, que acontecerá sempre no último sábado de cada mês, das 13 às 19 horas, na própria Estação da Cidadania. As doações poderão ser feitas no sábado, durante a feira. 

Tudo sobre: