Coronavírus afeta programação cultural na região

Lançamentos de filmes já foram adiados e shows cancelados na Baixada Santista

Assim como acontece no resto do País, a programação cultural da região pode ser afetada com mais intensidade por conta do Coronavírus. Algumas distribuidoras já anunciaram o adiamento de lançamentos de filmes, que deveriam ocorrer na próxima semana por conta da pandemia.

É o caso do filme "Um Lugar Silencioso – Parte II", de John Krasinski. “Depois de muito avaliar o momento atual, à luz da situação alarmante do desenvolvimento do coronavírus, restringindo as reuniões públicas, a Paramount Pictures irá alterar a data de lançamento mundialmente, inclusive no Brasil”, diz a distribuidora por meio de nota, prometendo tentar colocar o filme de volta ao mercado o mais rápido possível, “assim que tivermos uma percepção melhor do impacto dessa pandemia no mercado de cinema global.” 

Com um posicionamento semelhante, a Galeria Distribuidora e a Santa Rita Filmes adiaram a estreia dos filmes nacionais "A Menina que Matou os Pais" e "O Menino que Matou meus Pais", ambos sobre o caso Von Richtofen. Até o momento, as empresas mantêm o lançamento dos longas para 2020, ainda sem data definida. 

Para tentar reverter a situação do adiamento dos filmes na região, o empresário Toninho Campos, do Cine Roxy, foi a São Paulo nesta semana para conversar com distribuidoras. Ele explica que os filmes que estão sendo adiados são os de lançamentos mundiais, de um movimento que está partindo dos Estados Unidos. De acordo com Campos, os filmes brasileiros e os estrangeiros que não são lançamentos mundiais estão com as datas mantidas. Os cinemas da rede já contam com álcool gel em suas dependências. 

As redes Cinemark e Cinesystem, que têm salas em Santos e Praia Grande, afirmam seguir as recomendações da Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas (Feneec) para os cuidados em suas salas de exibições. “As equipes de profissionais que atuam nas salas de cinema estão recebendo informações sobre como realizar a manutenção e a higiene para garantir que o ambiente esteja seguro. No momento, não há orientação do Ministério da Saúde para alterações e restrições no funcionamento das salas e as sessões estão confirmadas”.

Por nota também, a Cineflix, que mantém salas no Miramar Shopping, diz que está “operando normalmente no momento”. O mesmo ocorre no Cine Arte Posto 4, no Boqueirão. 

Shows também são afetados 

O show da banda de reggae Natiruts, que aconteceria na sexta-feira (13) no Mendes Convention Center, foi cancelado pelo fato do grupo estar receoso da proliferação do vírus. “O momento é de recolhimento, assim esse vírus brutal atingirá o menor número possível de pessoas e, em breve, nossas vidas voltarão ao normal para desfrutarmos dos shows incríveis que fazemos juntos, família”, afirma a banda. 

Para quem comprou ingressos nos pontos de vendas oficiais, a devolução do valor será feita no local onde o ingresso foi adquirido, a partir do dia 23. Já para quem comprou pela internet, as devoluções e reembolsos serão automáticos, nas próximas faturas do cartão de crédito. 

O show de Sérgio Mallandro, programado para sábado (14), no Teatro Municipal de Santos, também foi adiado. A nova exibição serã no dia 16 de maio, às 21h, no mesmo local. Os ingressos são automaticamente validados para esta dada. Ja quem quiser a devolução, deve procurar pelo site Sympla ou na Av. Washington Luiz, 21.

A Orquestra Instituto GPA, que viria pela primeira vez à Praia Grande, no próximo dia 19, também suspendeu provisoriamente a apresentação no Palácio das Artes. Ainda não há nova data do espetáculo gratuito.

Procurados, o Sesc Santos e a Prefeitura de Santos afirmam que, até o momento, toda a agenda cultural está sendo mantida.

Tudo sobre: