Astro do Backstreet Boys é acusado pelo irmão de estuprar idosa de 91 anos

Cantor afirmou que irmão confessou o crime em uma caminhonete; publicação foi feita após membro da boyband pedir uma ordem judicial contra Aaron

O cantor Nick Carter, um dos integrantes do Backstreet Boys, foi acusado pelo irmão de estuprar uma idosa de 91 anos. Após Nick e sua irmã Angel terem pedido medida de proteção preventiva contra Aaron Carter, ele compartilhou um vídeo onde aparece brigando com o irmão e mencionando o FBI na denúncia. 

“Hey @fbi, meu irmão estuprou Mildred e me contou em segredo, em sua caminhonete, que ela tinha 91 anos, e meu irmão me disse que cobriu a boca dela para que ninguém pudesse ouvi-la gritar. Coloque-me em uma máquina de polígrafo, por favor @fbi minha mãe sabe que ela está cuidando de duas mulheres idosas que estavam no hospício, Mildred e Opal, que minha mãe estava sustentando. @fbi o que você vai fazer sobre isso!? NADA!? Estou relatando uma violação de Nick em mulheres idosas do SN que estavam morrendo e tinham 91 anos quando ele as estuprou. Coloque Nick em uma máquina de polígrafo e uma muito boa, por favor", afirmou no post. 

Nick Carter teria pedido uma ordem de restrição, alegando de que Aaron teria ameaçado sua esposa, que está grávida, de morte, porém Aaron nega as acusações. A irmã gêmea de Aaron, Angel, também teria afirmado que sofreu ameaças do irmão. 

Após o pedido, Aaron tentou se defender no Twitter, acusando Nick de ter agredido a socialite paris Hilton. "Nunca fui acusado múltiplas vezes de estupro. Não fui acusado de bater em Paris Hilton Quem é o violento. Quem me conhece sabe que eu não machucaria uma mosca. Nunca fui acusado de estupro. Nunca fui acusado de espancar @ParisHilton como sou violento", sugeriu Aaron fazendo referência ao irmão, que namorou a socialite em 2004 e foi acusado de estupro pela cantora Melissa Schuman, em 2017. 

Tudo sobre: