EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

23 de Agosto de 2019

Apple vai pagar até US$ 1 milhão para quem identificar falhas em seus sistemas

Premiação é um recorde para este tipo de programa

A Apple divulgou uma nova expansão do programa 'Bug Bounty'. Essa extensão tem como intuito fazer pesquisadores independentes acharem falhas de segurança no sistema de produtos eletrônicos da empresa em troca de uma recompensa financeira. 

Antes, essas premiações eram reservadas para apenas alguns participantes. Contudo, agora qualquer um pode alcançar o prêmio máximo (US$ 1 milhão). Concorrentes da Apple, como Google e Microsoft, também contam com programas semelhantes, mas nenhum oferece um pagamento nesta dimensão. 

Além de informações sobre vulnerabilidades no iOS, agora o 'Bug Bounty' também vai recompensar por erros em outros sistemas operacionais, como o 'iCloud', 'iPadOS' e 'macOS'. 

Para alcançar o US$1 milhão, a pessoa precisa demonstrar um ataque completo voltado a invadir o sistema remotamente, encadeando todas as vulnerabilidades que forem precisas.