EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

22 de Fevereiro de 2019

Confira dicas para levar uma vida mais leve e relaxar das tensões de 2018

Embarque nestas diferentes formas de diversão, comunicando a quem interessar o famoso aviso 'do not disturb'

Quem disse que é preciso arrumar mala, pegar fila e tomar chá de cadeira em aeroporto ou rodoviária, gastar em dólar com hotéis para se divertir e relaxar das tensões acumuladas em 2018? Reunimos uma seleção de filmes, séries, passeios e livros capazes de tirar sua mente de onde está e transportá-la para algum lugar mágico (que tal a Amazônia ou a Disney?), para alguma época diferente (passado ou futuro), para um continente fantasioso (tipo Westeros) e até para perto de um casal improvável e engraçado.

Para ler ótimas notícias e se blindar dos alarmistas de plantão

O empresário e jornalista Demetrius Paparounis está lendo, e recomenda, 'O Novo Iluminismo', do psicólogo Steven Pinker. “Nos dias de hoje, as pessoas reclamam de tudo e passam a sensação de que o mundo vai de mal a pior. Quem não se deixa levar pela emoção e confere o que dizem os números descobre o oposto disso: em muitos aspectos, vivemos o melhor momento da humanidade. Esse é o espírito do livro, que mostra os progressos inequívocos que a civilização vem conquistando em campos como saúde, paz, segurança, desigualdade, conhecimento e qualidade de vida”.

Pinker não nega que temos grandes problemas a superar e trata de vários deles. “No entanto, defende soluções baseadas na razão e na ciência, sem propostas ideológicas e populistas como as que costumam ser defendidas tanto pela esquerda quanto pela direita. A obra traz gráficos que resumem décadas ou séculos de progresso de maneira poderosa e convincente. E o texto é conciso e envolvente, com exceção da parte inicial, de teor mais acadêmico”, explica o empresário.

Para se surpreender com uma história eletrizante

Demetrius também acaba de assistir a 'Wild Wild Country', que está na Netflix desde 2018. “Recomendo demais assistir aos seis episódios desse documentário sobre a cidade criada nos Estados Unidos, nos anos 1980, em torno do guru indiano Osho! Cheguei a duvidar de que era tudo realidade de tão bizarra que é a história – se fosse ficção, já seria sensacional”, avalia o empresário. Na internet, muita gente comenta sobre esse documentário, assim como Demetrius, inclusive com a afirmação de que é mais empolgante do que qualquer série.

Para se despedir em grande estilo

Em 2019, chegará ao fim a melhor saga política travestida de fantasia, no continente de Westeros, na opinião da fotógrafa de casamentos Márcia Sil. Adivinhou? 'Game of Thrones'. Então, ela quer aproveitar janeiro para relembrar excelentes momentos das temporadas anteriores da famosa série como esquenta para abril, quando a HBO promete um desfecho cataclísmico. Já sua namorada aguarda, ansiosa, o retorno de Big Little Lies. Com as premiadas atrizes Meryl Streep e Nicole Kidman, teria só uma temporada, mas o sucesso obrigou a uma segunda.

“Fabi curte séries que mostram laços solidários entre as mulheres. E essa é bem verdadeira, pois não pinta nosso mundo de cor de rosa. Explora também o lado difícil, dos recalques que unem cinco mulheres e seus dramas a cerca de filhos e maridos”. Outra série que elas já viram e indicam aos casais amigos é 'Dietland', baseada num best-seller. Traz como protagonista uma mulher de uns 130 quilos apelidada de Plum (ameixa, em inglês), além de uma guru antidietas e um grupo terrorista chamado Jennifer, num enredo sarcástico sem que perca a graça, segundo a fotógrafa. 

O conteúdo completo você confere na edição do dia 13 de janeiro de 2019 da AT Revista.