EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

9 de Dezembro de 2019

Colégio Adélia, de Guarujá, é campeão pela 15ª vez do A Tribuna de Surf Colegial

Samuel Alves, Daniel Duarte, Henrique Liberato e Kemily Sampaio venceram as categorias júnior, iniciante, mirim e feminino, respectivamente

O 24º A Tribuna de Surf Colegial agitou o mar que banha o Parque Municipal Roberto Mário Santini, o Quebra-Mar, durante este domingo (17). Mais uma vez, o Colégio Adélia, de Guarujá, dominou a competição com seus surfistas conquistando notas altas. A escola foi campeã do circuito pela 15ª vez.

Individualmente, os vencedores foram Kemily Sampaio, na categoria feminino, Henrique Liberato, na mirim, Daniel Duarte, na iniciante, e, por fim, Samuel Alves, na júnior. A última bateria, por sinal, foi de fortes emoções. O campeão da categoria sub-18 conseguiu uma virada impressionante.

"No começo da bateria, não consegui achar as boas ondas. Aí eu achei a onda da virada. Precisava de um oito e fiz um 9.33. Quero agradecer a Deus por ele ter me proporcionado essa onda e também me consagrei campeão. É meu último ano aqui, mas ano que vem eu pretendo competir os campeonatos profissionais, pela Confederação Paulista de Surf", disse Samuel, de Guarujá, à Tribuna On-Line. O garoto somou 13.16 na bateria final.

Surf feminino

Entre as meninas, Kemily foi a melhor entre Mel Yukari, Gabi Muntaner e Carol Bastides. Na última bateria, ela sobrou, com uma nota de 11.73. Segunda colocada, Carol, de apenas oito anos, foi a caçulinha da disputa. Ela, que foi estreante, ficou muito feliz com seu resultado e exaltou o desempenho da campeã.

"Eu amo surfar. Eu sempre quero entrar no mar. Nunca quero sair dele. Foi muito legal hoje. Elas lutaram bastante, aí isso vai me ensinando cada vez mais. Eu agradeço muito à Kemily por brigar bastante. Eu já conhecia ela, de Praia Grande. Já tinha surfado com ela", falou Carol, que, no mês passado, se consagrou campeã brasileira sub-10, em Ubatuba. "Eu com certeza quero competir de novo ano que em", completou. 

Homenagem

Primeiro campeão do A Tribuna de Surf Colegial, há 24 anos, Luiz Carlos Franco, conhecido como Luke Franco, foi homenageado após a entrega dos prêmios e os discursos dos ganhadores no pódio.

"O circuito vem se consolidando em revelar grandes talentos. Temos o exemplo do campeão mundial, o Mineirinho, tem o Jessé Mendes, Alex Ribeiro e tantos outros que passaram por aqui", comentou.

O campeonato contou ainda com a presença de Picuruta Salazar, grande nome do surf brasileiro, que compôs o estafe e esteve por trás do evento, idealizado e organizado pelo Grupo Tribuna com apoio da Prefeitura de Santos, Federação Paulista de Surf (FPS) e Miwa Beach Club.

Tudo sobre: