EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

13 de Julho de 2020

Tenente Coimbra

Matheus Coimbra Martins de Aguiar é 1º Tenente do Exército Brasileiro. É formado em Administração de Empresas. Também possui formação em Política e Estratégia, na Escola Superior de Guerra (ADESG). Foi eleito deputado estadual pelo Partido Social Liberal (PSL), com 24.109 votos, nas eleições de 2018

Visitas a hospitais garantem atendimento de excelência à população

Para evitar que o dinheiro público seja utilizado para enriquecimento ilícito e com fins eleitoreiros, surgiu o Grupo Parlamentares em Defesa do Orçamento (PDO)

Durante a pandemia do novo coronavírus, governos podem fazer contratações emergenciais sem o processo de licitação, dada a urgência nas ações indispensáveis para garantir o atendimento de saúde da população. Apesar de legal e, muitas vezes necessária, a prática pode ser utilizada para selar contratos superfaturados e beneficiar instituições com fins políticos. 

É justamente para evitar que o dinheiro público seja utilizado para enriquecimento ilícito e com fins eleitoreiros que surgiu o Grupo Parlamentares em Defesa do Orçamento (PDO). Formado por deputados de vários partidos e, sem caráter panfletário ideológico, o grupo tem como objetivo fiscalizar contratos e a aplicação adequada da verba pública. 

Além de ter uma equipe técnica que analisa o teor dos contratos fechados pelo governo de São Paulo, o PDO, valendo-se da prerrogativa legal do deputados, fiscaliza hospitais públicos, sejam de campanha ou não, para verificar in loco se os locais estão atendendo adequadamente a população e se os profissionais de saúde, que são a linha de frente no combate à pandemia, têm acesso a todos os materiais necessários para que possam desempenhar seu trabalho com segurança e eficiência. 

Por meio de denúncias, o grupo verifica, entre outros quesitos, se os hospitais estão com leitos ocupados, se há respiradores para todos e equipamentos de proteção individual para os profissionais. Esse trabalho garante que o governo do Estado aplique os recursos com a seriedade necessária e corrige ilegalidades e distorções que prejudiquem o atendimento e a utilização correta do dinheiro público. 

Tudo isso é feito atendendo a todos os critérios de segurança biológica, para evitar contaminação dos profissionais, pacientes, do hospital e dos próprios parlamentares. Todas as visitas a hospitais, vale destacar, obedecem à lei, já que os deputados têm livre acesso a repartições públicas sem necessidade de agendamento prévio. Ou seja, faz parte da função do deputado zelar pela correta aplicação do dinheiro do povo. Nós, do Grupo PDO, estamos cumprindo nossa função. 

Em tempos de pandemia, esse trabalho se mostra ainda mais indispensável, pois garante a distribuição adequada dos recursos de forma a atender todo mundo que precisa e para garantir que nenhum cidadão de São Paulo seja lesado pela má utilização do dinheiro ou pela falta de um atendimento médico de qualidade. Contem com a nossa atuação! Se você tem uma denúncia, nos envie por meio do site. Nosso compromisso é com a população de São Paulo.

Tudo sobre:
 
Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna.
As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.