EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

10 de Julho de 2020

Roberto Monteiro

Foi repórter das principais rádios de São Paulo: Bandeirantes, Record, Jovem Pan e Gazeta. Nos últimos anos atuou nas maiores emissoras de rádio de Salvador.

Brasileirão termina com rodada cheia de emoção

Santos goleia o Flamengo com muita autoridade e Palmeiras rebaixa o Cruzeiro

Amigos, terminou o Brasileirão 2019 com uma rodada cheia de gols e emoção. O Santos goleou o campeão Flamengo com muita autoridade, jogando na histórica Vila Belmiro. Mais uma vez tendo em Soteldo, Marinho e Carlos Sánchez como os seus maiores destaques.

Com este resultado, o Santos confirmou sua condição de vice-campeão brasileiro, com o mesmo número de pontos do Palmeiras, levando vantagem por ter uma vitória a mais na competição. Vale ressaltar que, com 74 pontos ganhos, as duas equipes chegaram a um número digno de um campeão numa competição tão equilibrada como a que terminou no último domingo (8).

O Palmeiras somou mais uma vitória derrotando o Cruzeiro dentro do Mineirão, num jogo tenso e decisivo para os mineiros. Com uma apatia que se repetiu nas últimas dez rodadas, o Cruzeiro, de tanta tradição e história, conheceu sua primeira queda para a Série B. O ponto mais triste do jogo foi muito além do resultado em campo, pois o triste comportamento da torcida mineira obrigou o encerramento da partida antes do tempo normal por causa da falta de segurança para todos dentro e fora de campo em Belo Horizonte.

Agora, Santos e Palmeiras devem passar por uma grande reformulação para a temporada do ano que vem, com muitas trocas de nomes na comissão técnica e elenco.

O São Paulo foi a Maceió e não teve a menor dificuldade para vencer o CSA em sua última aparição na meteórica passagem pela Série A. O técnico Fernando Diniz, garantido no cargo para 2020 e com a classificação do time garantida para a fase de grupos da Libertadores, aproveitou para dar oportunidade a vários jogadores formados na base de Cotia, o que mostra que o São Paulo continua sendo um grande celeiro de bons jogadores, e certamente terá oportunidade de grandes negociações de jovens valores ai final desta temporada.

O Corinthians terminou sua campanha perdendo, em casa, para o limitado Fluminense, que veio a São Paulo em busca de uma vitória que o garantisse na última vaga para a Copa Sul-americana em 2020.

Não resta dúvida que com a chegada do técnico Tiago Nunes muita coisa irá mudar no Corinthians, principalmente na filosofia de jogo de uma equipe que mostrou pouca qualidade com o comando de Fábio Carille, e que com o interino Dyego Coelho conseguiu, ao menos, ser mais ofensiva e as duras penas garantir uma vaga na pré-Libertadores.

Uma coisa altamente positiva deve ser ressaltada em relação ao futebol paulista: todos os nossos grandes clubes terminaram a competição entre os oito primeiros colocados e, pela primeira vez na história, teremos todos os quatro disputando a Copa Libertadores em 2020.

Tudo sobre:
Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna.
As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.