Eu Estudo Certo

Martha Vergine é delegada de polícia, professora universitária e teacher coach do EU ESTUDO CERTO. Especialista em técnicas de estudo e estratégias emocionais para ajudar pessoas que querem passar mais rápido em provas - como concursos públicos, exame da OAB, vestibulares e ENEM.

Acesse todos os textos anteriores deste colunista

Para poder ajudar os outros você precisa estar bem

Entenda a importância de se cuidar para as poder cuidar das pessoas que você ama

Hoje quero te propor uma reflexão… Já adianto que talvez não seja confortável dar atenção a esse ponto da sua vida, mas te garanto que é extremamente importante e, passado o momento de desconforto, te fará um grande bem.

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Sabe quando a comissária de bordo, ao dar as instruções de segurança, diz que, em determinada situação emergencial, as máscaras de oxigênio cairão e que você DEVE primeiro colocá-la em você, para depois auxiliar as pessoas próximas?

Geralmente em uma situação de emergência pensamos primeiro nas pessoas que amamos e que podemos ajudar de alguma forma.

Colocamos em primeiro lugar os filhos, os pais, o amor, os amigos… Cá entre nós, nem precisa ser em uma situação de emergência para essas pessoas serem prioridade em relação a nós mesmos.

Quantas vezes já vimos notícias de pessoas que perderam a própria vida para ajudar a salvar a vida de outra(s) pessoas. Isso realmente é um ato nobre e digno de muita admiração.

Agora voltando às orientações da comissária de bordo, sabe o motivo de primeiro você colocar a máscara de oxigênio em você e depois ajudar as pessoas próximas?

É simples. Quantas pessoas você consegue ajudar se estiver bem e consciente? Agora quantas pessoas você consegue ajudar se estiver desmaiada/inconsciente?

Eu sei que a resposta é óbvia, mas o óbvio também precisa ser lembrado.

Se você não está bem, se te falta o oxigênio vital, se não está feliz com a sua vida e com as suas escolhas, como vai ajudar as pessoas que você ama a ficarem bem?

Como você vai dizer para o outro fazer aquilo que você não faz por você mesmo?

Eu sei que são perguntas difíceis de serem respondidas. Pare um pouco, respire fundo e acalme um pouco a mente.

Te proponho refletir sobre o que te incomoda na sua vida, faça uma lista, coloque para fora o que está precisando de oxigênio e veja o que é possível fazer agora.

Veja o que realmente precisa ser priorizado na sua vida e o que vai te fazer bem de verdade!

Às vezes é se dedicar a um sonho antigo, mudar de carreira ou trabalho, conquistar algo que acabou deixando engavetado por circunstâncias da vida, escute o que seu coração tem para te dizer.

Entenda que você precisa estar bem para poder ajudar os outros. Se observe, se perceba e se cuide!

Se dar atenção não é egoísmo e sim uma atitude necessária para estar bem para você e para as pessoas que você ama.

Espero que essas palavras tenham feito sentido para você e que de alguma forma te ajude!

Sempre que precisar de auxílio em sua jornada de estudos, conte comigo!

Tudo sobre:
 
Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna.
As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.