Alexandre Lopes

É Editor-Chefe de Web no Grupo Tribuna e responsável pelo G1 no litoral de São Paulo. No grupo desde 2008, já participou de coberturas em mais de 15 países. Atualmente, além de coordenar os portais, também apresenta o G1 em 1 Minuto.

Acesse todos os textos anteriores deste colunista

Mulher misteriosa ameaça 'doar' bebê de outra pessoa em Praia Grande

Suposto golpe vem sendo aplicado há várias semanas na Baixada Santista

Uma mulher usou a foto de um bebê de Praia Grande, no litoral de São Paulo, para aplicar um suposto golpe pela internet. O que ela não contava, porém, é que a verdadeira mãe da criança seria 'impactada' pela postagem que utilizava as imagens do próprio filho.

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

A mulher em questão usava a foto da criança, que hoje em dia já tem dois anos, para pedir doações para centenas de internautas. Além disso, ela afirmava que, caso as doações não chegassem, doaria a criança por não ter condições de cuidar do bebê.

Ao G1, a verdadeira mãe, que prefere não se identificar, explicou que a foto foi tirada há dois anos na maternidade. A imagem, inclusive, teria sido salva de um dos álbuns dela nas redes sociais. O problema, até agora, é que ninguém sabe quem é a autora das postagens que mobilizaram muitas pessoas na cidade.

Vários moradores se uniram para arrecadar produtos para a criança. Por conta do golpe, um boletim de ocorrência foi registrado por meio da internet. "Eu fiquei super nervosa. Fiz o boletim para que não façam com outras pessoas, com a foto de outras crianças. Não tenho a mínima ideia de quem seja", explica a mãe da criança.

Até a publicação desta reportagem, ainda não se sabe o real objetivo da mulher com as postagens. Alguns internautas levantaram a hipótese de que ela realmente precise de doações mas, com vergonha, tenha apelado para uma foto de outra pessoa. A polícia investiga o caso mas, até o momento, a autora das publicações não foi localizada.

Tudo sobre:
 
Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna.
As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.