Moradores pedem providências para rua abandonada no bairro Jamaica em Itanhaém

Problemas como iluminação, falta da rede de esgoto e asfalto são as principais reclamações

Moradores da Rua Caranás, localizada no bairro Jamaica, em Itanhaém, têm ficado insatisfeitos com as condições da rua. Eles reclamam que a estrutura da rua está precária, pois sofrem com problemas na iluminação, asfalto e sistema de esgoto. Um dos problemas que mais chama a atenção dos moradores, atualmente, é um poste de luz que está com a estrutura danificada. 

Assine A Tribuna agora mesmo por R$ 1,90 e ganhe Globoplay grátis e dezenas de descontos!

Essa sugestão de reportagem foi feita pelo internauta Edilson Martins. Você também pode entrar em contato conosco via WhatsApp, pelo número (13) 9 9642 8222, ou pelo E-Mail, g1at@grupo-tribuna.com. Ao mandar sua mensagem, deixe seus dados completos, relate o problema ou a sugestão de pauta e anexe fotos e vídeos.

Edilson disse que no início da pandemia, ele e a família decidiram se mudar para a casa de veraneio de Itanhaém, localizada na Rua Caranás. Porém, desde o início da pandemia a família tem ficado ainda mais preocupada com os problemas pela rua. O administrador diz que percebeu um descaso na solução dos problemas.

Morador registra poste de luz destruído na base (Foto: Edilson Martins)

O morador conta ainda que a rua não tem asfalto, inclusive na estrada do Rio Preto que é a principal via para se locomover pela região. Também explica que a rua não tem sistema de esgoto e se indigna com a situação. Além disso, ele conta que os postes de luz da rua são de madeira e um deles está até com risco de queda. Ele também diz que a iluminação não é muito eficiente e acha que os responsáveis demoram muito para resolver os problemas.

Procurada pela reportagem de ATribuna.com.br, a Prefeitura de Itanhaém informou que a Elektro é a responsável por gerenciar e manter os ativos de iluminação pública, bem como realizar a substituição de postes e fios que ligam à rede.

Além disso, a prefeitura disse que a Sabesp é a responsável pelo sistema de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto do município. Quanto à pavimentação, há um estudo do Governo Municipal para um projeto com esse serviço, tanto na Rua Caranás como na Estrada do Rio Preto.

A Elektro disse que os postes serão substituídos no início de outubro e a Sabesp informou que a via não está prevista no Plano Municipal de Saneamento e que sua inclusão será analisada na revisão do plano.

Tudo sobre: