EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

14 de Outubro de 2019

Viaje por cinco cenários reais de 'Game of Thrones'

Ícones mundiais podem ser visitados na famosa série

'Game of Thrones' é uma das mais famosas séries atualmente e já conquistou uma legião de fãs ao redor do mundo. Além dos efeitos especiais surpreendentes e um enredo de tirar o fôlego, GoT também chama atenção por ter usado pouquíssimas filmagens em sets, sendo a maioria delas gravadas em lugares reais ao redor do mundo. Mas você sabe onde foram gravadas essas cenas? Não? Então confira a lista de cinco países que foram usados como cenários para as gravações da série, cuja oitava e última temporada tem início hoje, no canal HBO. As dicas são da Lugares pelo Mundo.

Irlanda do Norte
Na Irlanda do Norte foram gravadas diversas cenas de 'Game of Thrones'. Pelo seu clima frio, grandes castelos da Idade Média e paisagem cinzenta, foi o lugar ideal para representar o norte de Westeros. O cenário mais conhecido pelos fãs é o Castle Ward, utilizado para representar Winterfell, lar da casa dos Stark. A construção data o século 13 e fica próxima à capital do país, Belfast. Atualmente, o castelo funciona como ponto turístico, inclusive uma empresa chamada Winterfell Tours faz passeios, que saem de Belfast e levamos fãs para conhecer a fortaleza dos Stark. Os mais apaixonados podem vestir roupas típicas da série e praticar arco e flecha. Outro local bem famoso da série que também fica na Irlanda do Norte são as Ilhas de Ferro. O lar dos Greyjoy fica em Murlough Bay, no extremo norte do país. A baía é bem tranquila e o acesso não é simples, passando por uma estrada estreita de mão única. Entretanto, a vista para o mar é recompensadora, e faz a viagem valer a pena. Ainda no país, mais um lugar serviu de set para as Ilhas de Ferro foi Ballintoy Bay, também no extremo norte. Essa outra baía representou o porto de Pyke, a cidade em que Theon Greyjoy desembarca no seu retorno às Ilhas de Ferro.

Croácia


A cidade de Dubrovnik foi um dos cenários de 'Game of Thrones' (Foto: Reprodução/Moment/John and Tina Reid)

A Croácia é o país comum dos sets mais importantes. A cidade de Dubrovnik possui uma grande carga histórica. Há dados que indicam inclusive que sua fundação foi no século 8, e a parte velha da cidade é tombada como patrimônio da humanidade pela Unesco. Em 'Game of Thrones', Dubrovnik é Porto Real, um dos principais cenários da série, lar do rei de Westeros. A sua arquitetura medieval, a muralha que cerca a cidade e o penhasco no qual a cidade se encontra a tornam um dos destinos mais visitados por turistas que vão à Croácia. Uma das localidades mais bonitas de Porto Real são os Jardins Verdes. O lugar escolhido foi o arboreto de Trsteno, que além de ser um dos mais antigos da região, fica a poucos quilômetros de Dubrovnik, facilitando na gravação.

Marrocos
A cidade de Essaouira, em Marrocos, deu vida a Astapor (Foto: Reprodução/Moment/Federica Gentile)

Essaouira, uma das principais cidades do litoral marroquino, deu vida a Astapor, conhecida pelo comércio de escravos. Na 3ª temporada, a cidade é palco de uma das cenas famosas da série: Daenerys Targaryen, com seus dragões, liberta os escravos, saqueia e incendeia Astapor. Na vida real, Essaouira é uma pacata cidade, tida como um dos principais destinos para quem quer relaxar. Na década de 60, ficou famosa por ser um reduto hippie, sendo visitada por diversas estrelas, como Jimi Hendrix. Marrocos também serviu de set para outras duas cidades do continente Essos: Yunkai e Pentos. Aït-Ben-Haddou foi o local escolhido para representar as duas cidades escravocratas. A cidade litorânea é um patrimônio mundial da Unesco.

Espanha
Castelos de Sevilha, na Espanha, foram cenário de Game of Thrones (Foto: Reprodução/Moment/Joe Daniel Price)



A Espanha deu vida ao palácio de Dorne. A cidade escolhida no mundo foi Sevilha, mais precisamente o seu Álcazar, um complexo de palácios que foram construídos em diferentes épocas. Na série, ele é a residência da casa Martell, uma das mais poderosas famílias de Westeros. Outro local famoso é a Arena de Meereen. Na série, Daenerys, além de se casar nessa arena, manda empalar os Grandes Mestres que governavam a cidade de Meereen antes dela tomar o controle. A arena, na verdade, é a praça de touros de Osuna, pequena cidade de pouco mais de 17 mil habitantes, sendo que as gravações mudaram a rotina do local, que passou a ser visitado por fãs de vários lugares.

Islândia
Grjótagjá foi caverna utilizada nas gravações da série (Foto: Reprodução/Moment/Created by drcooke)



A ilha escandinava, com suas paisagens geladas, foi o lugar perfeito para gravar as cenas que aconteciam em Além da Grande Muralha. O extremo norte de 'Game of Thrones' é uma terra desconhecida, pouco habitada e com um clima frio, muito parecido com a Islândia. Apesar de muito frio, o país é uma formação vulcânica, logo abriga diversas fontes termais. Uma delas foi utilizada na série como ninho de amor entre Jon Snow e Ygritte. O lugar se chama Grjótagjá, uma caverna que abriga uma piscina de água vulcânica no norte da Islândia. Infelizmente para os turistas, devido à atividades geológicas que ocorreram por volta da década de 1970 fizeram as águas da piscina subirem tanto que ficou impossível utilizá-las. Outro ponto que ilustra o Além da Muralha é Vatnajökull. Além de ser a maior geleira da Europa, ela também está localizada no maior parque nacional do continente e foi palco da grande maioria das cenas que aconteceram no extremo norte de Westeros.