Rua Alexandre Herculano passará a ter mão única a partir de terça-feira

Modificação objetiva melhorar as condições de segurança viária na área, que registra intenso movimento diário

A Rua Alexandre Herculano, entre a Rua Assis Correa e a Avenida Washington Luís), no Gonzaga, em Santos, passará a ter mão única de direção, nesse sentido, a partir de terça-feira (23).

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos), a circulação de veículos será unificada em toda extensão da via, desde a Avenida Ana Costa até a Avenida Conselheiro Nébias.

De acordo com a empresa, além de facilitar a fluidez, a modificação objetiva melhorar as condições de segurança viária na área, que registra intenso movimento diário. Com a alteração, será eliminada a conversão à esquerda do tráfego procedente da Rua Tocantins para acessar o trecho de mão dupla da Alexandre Herculano, que tem gerado conflitos e situações de risco para motoristas e pedestres.

>> Confira como ficará o esquema da via

A partir da alteração, ao acessar a Alexandre Herculano o motorista, obrigatoriamente, deverá ir em direção ao canal 3. Aqueles que utilizavam a via no sentido de circulação contrário ao que será implantado terão a opção de seguir pela Rua Goiás e chegar à Avenida Ana Costa.

Junto à unificação no sentido de circulação da Alexandre Herculano, a CET fará ajustes nos tempos dos semáforos das vias envolvidas. Já na primeira semana das modificações, os técnicos da unidade semáforica estarão monitorando o fluxo de veículos ao longo do dia na área, para definir a programação mais adequada devido à nova configuração viária.

A atenção maior será com a Rua Goiás, que deverá absorver o tráfego dos motoristas que utilizavam a Rua Alexandre Herculano. Por isso, na Goiás também será ampliada a faixa de proibição ao estacionamento de veículos em um dos lados da via, em princípio no trecho entre a Rua Vahia de Abreu e o canal 3 e, se necessário em outros pontos, de forma a garantir a segurança e fluidez da via.

Tudo sobre: