EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

23 de Outubro de 2019

Log-In amplia frota para cabotagem no país

Novo navio zarpou da China e tem como destino o Porto de Manaus, onde será inaugurado. Embarcação é capaz de transportar 2700 TEU

O Log-In Polaris, mais novo navio porta-contêiner da Log-In Logística Intermodal, armadora atua nos serviços de cabotagem (transporte marítimo pela costa) no país, saiu da China e está a caminho do Brasil para ser inaugurado em Manaus (AM). A embarcação foi entregue à companhia no último dia 1°, pelo estaleiro chinês CSSC Guangzhou Wenchong Shipyard, e está prevista para chegar ao porto do Amazonas no fim de agosto.

O Log-In Polaris tem capacidade para transportar 2.700 TEU (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés), inclusive 600 contêineres refrigerados. Sua inclusão no mercado brasileiro irá ampliar a média de contêineres reefers transportados por embarcação em linhas de cabotagem no país, que, atualmente, é de 250 unidades por cargueiro.

Ele será o primeiro navio da nação a ter um sistema de docagem estendida de 5 para 7,5 anos, medida aprovada pela classificadora e autoridades brasileiras e que leva a uma redução no tempo de parada para manutenção e nos custos operacionais. A embarcação também conta com plataformas de peação que permitem maior arranjo da carga.

Em questão de sustentabilidade, seus mancais (apoios fixos) do eixo propulsor são lubrificados e refrigerados com água, em vez de óleo. E ainda  há uma economia no consumo de combustível, consequência da pintura do casco feita com tinta de fricção reduzida, além da potência do motor principal adequada à velocidade de operação.

O investimento para a construção do Log-In Polaris gira em torno de US$ 28,5 milhões. Ele será o quinto porta-contêiner próprio da Log-In Logística atuando no Brasil, somado a outros dois afretados pela empresa. 

Tudo sobre: