EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

21 de Outubro de 2019

Mulher tenta vender filha recém-nascida por R$ 2 mil dentro de maternidade em Santos

Caso aconteceu na madrugada de sábado (13) no Hospital e Maternidade Silvério Fontes, no Castelo. Bebê segue internado na unidade em estado estável

Uma mulher de 40 anos tentou a vender a própria filha, recém-nascida, pelo valor de R$2 mil a uma pessoa desconhecida dentro do Hospital e Maternidade Silvério Fontes, em Santos. Ela, usuária de drogas, teria oferecido o bebê em troca da quantia.

O crime aconteceu durante a madrugada de sábado (13) na unidade de saúde localizada no Castelo. Segundo informações da Polícia Civil, ela deu entrada na maternidade, com uma acompanhante, usando um nome falso. Logo após a internação, ela entrou em trabalho de parto.

No entanto, funcionários do Hospital descobriram que a gestante se identificou com o nome da acompanhante, e que a situação teria sido uma armação para que a criança fosse vendida logo após o nascimento.

A Polícia Militar foi acionada para o caso e um boletim de ocorrência foi registrada no 5º Distrito Policial de Santos, na Zona Noroeste. A Polícia Civil investiga o paradeiro da mulher que seria a compradora. O caso ficou registrado como entrega de filho a terceiro, e o Conselho Tutelar da cidade foi acionado.

A criança está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal da maternidade em estado estável. A mulher também está internada no Hospital e recebe medicamentos.

Boletim de ocorrência foi registrada no 5º Distrito Policial de Santos (Foto: AT)
Tudo sobre: