Mecânico pediu desculpas ao matar a ex no Vale do Ribeira: 'Já matei seu pai, agora é você'; VÍDEO

Ele foi preso após cometer os dois assassinatos a tiros

Por: ATribuna.com.br  -  15/05/24  -  07:13
Atualizado em 15/05/24 - 07:15
Após matar o ex-sogro, o mecânico levou a ex-namorada para o quintal e deu três tiros nela
Após matar o ex-sogro, o mecânico levou a ex-namorada para o quintal e deu três tiros nela   Foto: Reprodução/TV Tribuna

A Tribuna teve acesso a um vídeo que mostra momentos antes de o mecânico João Carlos de Oliveira Antunes, de 29 anos, matar a ex-namorada Yasmin Santos de Queiroz, de 25, no último sábado (11), em Miracatu, no Vale do Ribeira. O pai dela, o funcionário público, Francisco Xavier Marques de Queiroz, de 60 anos, também foi morto a tiros pelo homem. Antes de atirar, ele teria pedido desculpas à vítima e disse ‘eu já matei o seu pai e agora é você’ (Veja no vídeo mais abaixo)


Clique aqui para seguir agora o novo canal de A Tribuna no WhatsApp!


Nas imagens, cedidas pela TV Tribuna, o mecânico aparece empurrando a moça para fora da casa, em direção ao quintal. É possível ouvir que ele está alterado e várias vezes pede desculpas e bate em alguma coisa.


O vídeo ainda mostra que, antes de matar a jovem, ele diz ‘eu já matei o seu pai e agora é você’. Depois de mais alguns pedidos de desculpa, ele atira três vezes contra a vítima e retorna para a casa.



Prisão

João Antunes foi encontrado em um sítio no bairro Pascoval, em MIracatu, durante a madrugada desta segunda-feira (13). Ele foi preso pelo crime de homicídio e feminicídio.


Segundo a Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), o caso foi registrado como captura de procurado na Delegacia de Miracatu e ele foi encaminhado à Cadeia Pública de Registro.


O caso

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem entrou no imóvel arrombando a porta da cozinha. Ao ouvir o barulho, o pai da jovem se levantou para ver o que estava acontecendo, quando deu de frente com o criminoso, que fez três disparos em direção a ele e o matou na hora.


Depois, o bandido foi até o quarto da jovem, a levou até o quintal e atirou três vezes contra ela. Logo após ter matado o ex-sogro e sua ex-namorada, o mecânico fugiu de carro.


O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Miracatu como crime consumado de feminicídio e homicídio. Além disso, João também havia descumprido uma medida protetiva de urgência em seu nome, do qual sua ex-namorada tinha solicitado.


Logo A Tribuna
Newsletter