Terapias a base de massagem relaxam e previnem a dor

O massoterapeuta Rodrigo Nunes Fonseca diz que existem diversas técnicas que trazem benefícios a curto, médio e longo prazos

A massoterapia, tratamento terapêutico a base de massagens, é quase sempre lembrada quando dores muito incômodas começam a aparecer. Mas, segundo especialistas no assunto, o ideal é manter a prática ao menos uma vez por semana para a prevenção de diversas doenças.

>>Quiropraxia, Auriculoterapia, e Quick Massagem estão entre as técnicas utilizadas; confira

Segundo o massoterapeuta Rodrigo Nunes Fonseca, o ideal é procurar um profissional e falar sobre o resultado esperado. É possível relaxar, aliviar alguma dor e até dormir melhor. E os benefícios são de curto, médio e longo prazos.

“Existem diversas técnicas e cada uma delas é ideal para um tipo de pessoa. Por isso, sempre converso sobre o assunto antes de indicar alguma técnica”, explica Rodrigo.

Um modelo que está em alta entre seus pacientes é japonês e chama-se Seitai.
O método organiza o corpo, levando o equilíbrio para as estruturas óssea, músculos, tendões e ligamentos para que a circulação sanguínea e a comunicação neural dos órgãos flua de maneira saudável e correta.

“O resultado em meus pacientes tem sido rápido e eficiente. Eles ficam muito gratos com a melhora de, muitas vezes, dores intensas e que sentem há muito tempo”, diz Rodrigo.

Os pés

Muitas vezes lembrados só no final de um dia cansativo, os pés são muito importantes em todo esse processo. Especialista em pés, ele Rodrigo que é possível saber detalhes inclusive da personalidade do paciente. Essa técnica chama-se Reflexologia.

“O pé está em constante mudança, assim como nós. Ele tem pontos específicos que, por meio dessa técnica, aliviam a tensão, mostram características da pessoa e indicam se há algum órgão com alteração. Teve uma paciente que eu avisei que precisava procurar um médico e ver seu útero. Ela descobriu uma gravidez”.

A massoterapeuta Liliane Santos concorda que a prevenção é a melhor saída. “Podem ser evitadas ou descobertas várias alterações”. 

Tudo sobre: