EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

10 de Julho de 2020

Hospitais de campanha de SP têm 231 pacientes internados com covid-19

Até o momento, um total de 28 pacientes tiveram alta desses hospitais

Os dois hospitais de campanha de São Paulo registram nesta segunda-feira (20) 231 pacientes internados com covid-19. Com maior número de pacientes, o do Anhembi tem 152 internados, sendo que oito na sala de estabilização, usada para atender quem tem estado clínico mais grave.

Já no hospital de campanha do Pacaembu, 79 dos 200 leitos disponíveis estão ocupados, sendo que três pacientes estão internados em leitos de estabilização.

No sábado (18), o hospital do Anhembi registrou a primeira morte de um paciente pelo novo coronavírus. O paciente tinha 79 anos e apresentou piora clínica, vindo a falecer na noite de sábado. Foi a segunda morte de um paciente em um hospital de campanha: a primeira delas ocorreu no dia 12 de abril, na unidade do Pacaembu. Um homem de 36 anos que sofria da doença de chagas.

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo, 23 pacientes tiveram alta no hospital do Anhembi e se recuperam em casa. Já no Pacaembu foram dadas cinco altas.

Medida emergencial

Os hospitais de campanha foram criados para atender pacientes infectados pelo novo coronavírus em situação de baixa ou média complexidade. Esses hospitais têm portas fechadas: os pacientes só chegam a eles transferidos de outras unidades.

A cidade de São Paulo tem hoje 10.624 casos confirmados de coronavírus, com 847 óbitos. Ainda há 41.215 casos suspeitos da infecção e 1.332 óbitos em investigação.

Tudo sobre: