Jogador é preso suspeito de matar a facadas dirigente de clube de futebol

Crime ocorreu na noite de quarta-feira (16) após uma discussão

O jogador Vinícius Corsini foi preso suspeito de esfaquear e matar um dirigente de seu ex-clube na noite desta quarta-feira (16). Segundo investigações da Polícia Civil, o crime teria acontecido após uma discussão entre os dois.

Assine o Portal A Tribuna agora mesmo e ganhe Globoplay grátis e dezenas de descontos

A vítima é o empresário José Danilson Alves de Oliveira, de 58 anos, dirigente do Clube Nacional de Rolândia, do Paraná, que disputa a Série D do Campeonato Brasileiro e a segunda divisão do Campeonato Paranaense.

Ainda de acordo com a Polícia, o jogador tentou fugir após cometer o crime, mas foi contido por populares até a chegada dos policiais.

O dirigente foi levado ao hospital e passou por cirurgia, mas não resistiu. Ele também era sargento aposentado da Polícia Militar e foi vereador e vice-prefeito de Rolândia, entre 2013 e 2017. A prefeitura da cidade decretou luto oficial.

*Com informações do G1

Tudo sobre: