EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

6 de Agosto de 2020

Empresário aparece pelado em teleconferência e Bolsonaro interrompe a reunião

"Tem um peladão. Fazendo isolamento peladão em casa. Beleza", disse Paulo Guedes, que estava do lado ao presidente

Em meio a uma teleconferência com empresários, que ocorreu nesta quinta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro teve que pedir para que o ministro da Economia, Paulo Guedes, interrompesse a chamada, pois um dos participantes aparecia nu, tomando banho, durante a chamada.

"Dá uma parada aí, Paulo. O colega do último quadrinho", disse o presidente, que estava ao lado de Guedes, acompanhando por vídeo relatos de empresários.

O ministro então respondeu: "Tem um peladão. Fazendo isolamento peladão em casa. Beleza", disse Guedes. "O cara ficou com calor e foi tomar um banho frio", afirmou o chefe da Economia.

O mediador do encontro, presidente da Fiesp, Paulo Skaf, constrangido com a situação pediu perdão. "Presidente, perdoe o incidente."

O encontro contou com diversos grandes empresários, como Abilio Diniz e Rubens Ometto. O presidente declarou que há uma "guerra" contra os governadores pela abertura do comércio. O pedido do chefe do executivo para os empresários foi para que o setor jogue pesado com eles.

*Com informações do UOL

Tudo sobre: