Argentina registra primeiro caso de variante do coronavírus

A variante, até 70% mais transmissível, deixa clima de apreensão no país

A Argentina registrou neste sábado (16) seu primeiro caso da variante mais transmissível do coronavírus, identificada inicialmente no Reino Unido. A nova cepa foi identificada em um teste de passageiro vindo de Frankfurt, que não tinha sintomas do Covid-19.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

O país sofre o risco de agrave no número de contágios. Entre 14 de dezembro e 14 de janeiro, os casos aumentaram 44%. O número de contágios registrados na Argentina é de 1.783 047, com um saldo de 45.227 mortes.

Vários países estão preocupados com sua segurança diante da variante do vírus. O Reino Unido suspendeu na última sexta-feira (15) voos vindos de países da América do Sul por conta da descoberta da nova cepa no Amazonas. Com o transporte de pacientes do estado para outras regiões do Brasil, há preocupação com novas ocorrências da variante em outros estados.

Tudo sobre: