AT Carreiras: Turismo segue em crescimento e é ótima opção profissional

Universidade Paulista (Unip) de Santos oferece formação em três anos

Com o grande potencial turístico do Brasil, uma boa opção é apostar neste segmento e investir no curso de Turismo. A carreira está em crescimento e necessita de profissionais extrovertidos, receptivos e que saibam lidar com o público. E o melhor é que são várias as áreas de atuação, como turismo de aventura, cultural, esportivo, de negócios, voltado para a terceira idade, ecoturismo e muito mais.

A Universidade Paulista (Unip) de Santos oferece o curso de Turismo na unidade. Por estar localizado em uma região turística, o curso é procurado por muitos jovens que estão em busca de uma oportunidade. 

Turismo

A coordenadora do curso de Turismo da Unip, Simone Monteiro Cardoso, explica que o mercado está em alta em duas principais áreas: organização de eventos em empresas privadas e no poder público; e na rede hoteleira, pois ocorreu um crescimento na abertura de pousadas e hotéis de rede internacional na Baixada Santista. Por isso, estão sendo muito procurados recepcionistas, mensageiros, camareiros, concierges, organizadores de eventos hoteleiros, recreacionistas, garçons e chefs de cozinha.

 “É importante que o profissional faça o curso de Turismo para estar qualificado no atendimento ao público com visão na hospitalidade. É necessário ter profissionalismo, comprometimento com a sustentabilidade da cidade visitada, simpatia, cordialidade, satisfação no atendimento ao público em geral, conhecimento sobre a história e geografia da cidade no que tange os atrativos existentes e relacionamento interpessoal com os turistas”.

Para o ex-aluno Maurício Jorge, o turismo é um mercado muito importante para o Brasil, com oportunidades abertas em várias áreas, como ecoturismo, transporte, hotelaria, agências de viagem e muitos outros, oferecendo empregos e oportunidades. Ele acredita que a carreiras ainda tem muito a crescer.

“Gestores estão em busca de profissionais com qualificação, eis a importância da graduação. Nesse cenário de disputa, é impensável que alguém sem um diploma tenha muitas chances. O curso superior abre diversas portas e foi um ‘divisor de águas’ para mim. A equação é simples: Quanto maior for o seu conhecimento, maiores são as chances de sucesso. Por isso, é muito importante escolher uma faculdade reconhecida, que ofereça as ferramentas necessárias para a formação de um bom profissional. No meu caso foi a Unip”.

Turismo cresce mais do que a economia global, por isso a profissão é interessante e está em destaque (Foto: Reprodução)

A especialista em Recursos Humanos do Espaço Santista RH, Andréa Marques, revela que o turismo cresce mais do que a economia global, por isso a profissão é muito interessante e está em destaque. De acordo com ela, o Brasil tem um grande potencial e, o que mais tem crescido no País, é o turismo de negócio. 

“Os salários médios não são altos, mas tem possibilidade de crescimento. Porém, a exigência para evoluir na carreira é grande, por isso as pessoas precisam sempre se profissionalizar nas áreas interessadas. O turismo está crescendo cada vez mais no Brasil, principalmente com a crise, porque as pessoas estão deixando de viajar para o exterior. É hora das empresas focarem na Baixada Santista, porque tem muito a ser desenvolvido”.

Ficha técnica:

Duração: 6 semestres (3 anos)

Tipo do curso: Bacharelado

Grade Curricular: as principais disciplinas do curso são hospitalidade em turismo e hotelaria, organização de eventos e recreação, hotelaria e serviços, agências de turismo e transportes, gastronomia regional brasileira, montagem de cardápio, empreendedorismo e planejamento de projetos em turismo e hotelaria, marketing em turismo e plano de desenvolvimento municipal turístico.

Atividades práticas: montagem de cardápio e pratos típicos na disciplina de gastronomia, montagem de roteiros turístico, visita técnica em atrativos turísticos, organização de eventos na instituição de ensino, projetos de turismo de base comunitária para cidades turísticas na região, atividades de recreação em creches pública e ONGs, pesquisa de mercado nos setores turístico e mapeamento da cidade turística.

Infraestrutura: laboratórios de turismo, nutrição e informática.

Materiais: jaleco para as aulas de gastronomia, camiseta com o logo do curso para as visitas e viagens técnicas e uniforme para os eventos.

Estágio: é obrigatório nos dois últimos semestres. Os alunos podem encontrar oportunidades em agências de turismo, agências de transporte turístico, Secretaria de Turismo ou Cultura, meios de hospedagem, empresa de recreação, empresa organizadora de eventos, restaurantes, bares e meios de transportes.

Perfil: o aluno deve ser extrovertido, receptivo e deve gostar de recepcionar o público em geral.

Salário: pode variar entre 1 e 10 salários mínimos de acordo com o cargo exercido.

Especializações: pós-graduação, mestrado e doutorado.

Educação continuada: cursos livres de agência receptiva, organização de eventos, guia de turismo, cursos para trabalhar em cruzeiros, cursos na área da gastronomia e cursos nas área da recreação.

Áreas de atuação: meios de transportes, meios de hospedagens, recreação, organização de eventos, poder público, consultoria e treinamento na área do turismo e hotelaria e agência de turismo.

Principais funções: na área de hotelaria, pode ser recepcionista, coordenador, supervisor de recepção, mensageiro, chefe de recepção, organizador de eventos, coordenador de eventos, garçom, concierge, auditor de hotel, camareira, governanta e muito mais. Em eventos, pode ser organizador de eventos, recepcionista ou concierge de evento. No poder público, pode atuar como assistente ou Secretário de Turismo. Na área de lazer, pode ser recreacionista. Na área de educação, pode atuar como professor.

Mercado de Trabalho: hotelaria, organização de eventos, recreação e lazer, colônia de férias, docência, consultoria e treinamento e Secretaria de Turismo.

Por estar localizado em uma região turística, o curso é procurado por muitos jovens que estão em busca de uma oportunidade (Foto: Reprodução)
Tudo sobre: