EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

10 de Julho de 2020

Nutricionista dá dicas de alimentação para encarar Corrida Virtual 5k ATribuna.com.br

Seja na véspera, seja após a disputa, o cuidado com a ingestão de alimentos precisa ser observado, para que o percurso seja realizado da melhor forma

A Corrida Virtual 5k – ATribuna.com.br pode ter formato incomum, mas nem por isso os cuidados com a alimentação devem ser deixados de lado. Seja na véspera, seja após a disputa, o cuidado com a ingestão de alimentos precisa ser observado, para que o percurso seja realizado da melhor forma.

De acordo com a nutricionista Maria Luiza Migotto, na véspera é importante que o participante armazene energia. “Faltando um dia, é preciso encher o corpo de glicogênio, que dá energia e hidrata”, conta. Segundo ela, a ingestão de carboidratos, encontrados em frutas, mel, batata, arroz, macarrão e pães, favorece um bom desempenho.

Por outro lado, é importante evitar comer comidas cruas. “E também alimentos com os quais não se está habituado”, diz Maria Luiza. De acordo com ela, um prato com macarrão e carne moída, acompanhado de suco de uva, preenche a quantidade recomendada de glicogênio.

Depois da prova, é recomendável fazer o caminho inverso da alimentação. “É preciso repor o estoque de glicogênio”, afirma a nutricionista. Água e uma banana com mel são uma boa pedida.

Em matéria de corrida, a hidratação durante o percurso faz diferença. Porém, dada a distância reduzida (5km) e a condição particular da Corrida Virtual, uma boa ingestão de líquidos antes do início atende a demanda.

Tudo sobre: