EDIÇÃO DIGITAL

Terça-feira

17 de Setembro de 2019

Soteldo diz que Santos é mais forte quando joga na Vila Belmiro

O atacante entende que o Peixe não foi eliminado de nenhuma competição em casa, mas sim no estádio do Pacaembu

Assim como o técnico Jorge Sampaoli e o lateral-direito Victor Ferraz, Soteldo vê o Santos mais forte quando manda os  jogos na Vila Belmiro. Em entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (11), o camisa 10, no clube há seis meses, afirmou que no Pacaembu os adversários não sentem a mesma pressão do Alçapão Alvinegro. 

“É muito melhor (jogar na Vila Belmiro). Demonstramos isso sempre que jogamos aqui. Fica mais difícil para o adversário. Nos sentimos em casa. No Pacaembu, temos que viajar. Como disse o Victor Ferraz, fomos eliminados no Pacaembu, não na nossa casa. É bom jogar lá, a torcida trata bem, mas é melhor jogar na Vila”. 

A discussão entre os dois estádios persiste desde o ano passado, quando o presidente José Carlos Peres decretou que dividiria os jogos do Peixe entre a Vila Belmiro e o Pacaembu. A justificativa do mandatário é  que no estádio da Capital o clube arrecada mais com bilheteria. Ele também alega que é preciso atender o torcedor paulistano.

No entanto, a questão não agrada o elenco santista. Após a vitória sobre o Atlético-MG, domingo (9), na Vila Belmiro, por 3 a 1, o capitão Victor Ferraz afirmou que o Santos foi eliminado da Copa Sul-Americana, do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil nos seus domínios, mas não em casa. Nas três ocasiões o time atuou no Pacaembu.