EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

9 de Agosto de 2020

'Não somos perdedores', afirma atacante da Ponte e algoz do Santos

Moisés marcou o segundo gol e ajudou a Macaca a eliminar o Peixe dentro da Vila Belmiro

Autor do segundo gol da Ponte Preta sobre o Santos, na vitória por 3 a 1, o atacante Moisés viveu uma noite especial dentro da Vila Belmiro nesta quinta-feira (30). Além de ajudar na classificação da Macaca às semifinais do Campeonato Paulista para encarar o Palmeiras, o gol serviu para mostrar que o elenco pontepretano não é composto por "perdedores"

O jogador de apenas 23 anos chegou ao Moisés Lucarelli dias antes do reinício do Estadual e, após três partidas, marcou o seu primeiro gol pelo time de Campinas. 

"Acredito que desde o jogo contra o Novorizontino o time estava com outra cabeça. Muitos falavam que o time estava abatido e que era um grupo de perdedores. Mas não. Quando cheguei vi que o elenco estava unido e conseguimos mudar a situação e avançar até as semifinais", disse.

A bela vitória da Macaca dentro da Vila Belmiro, segundo o atacante, vai deixar a equipe ainda mais forte para o duelo frente ao Verdão, no Allianz Parque. 

"Sabíamos que seria um jogo difícil, mas conseguimos fazer tudo o que o professor João (Brigatti) pediu e saímos vitoriosos. Agora é descansar, porque domingo temos mais uma decisão e se entrarmos confiantes podemos sair com mais um belo resultado", finalizou o atacante, já com a cabeça no Palmeiras.

Tudo sobre: