EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

9 de Agosto de 2020

Juiz relata ofensas de Marinho na súmula do jogo entre Santos e Ponte Preta

Os xingamentos, segundo o árbitro relatou na súmula, teriam ocorrido depois do apito final do jogo

Depois de ser expulso ainda no primeiro tempo da derrota do Santos para a Ponte Preta, por 3 a 1, na Vila Belmiro, que resultou na eliminação do Peixe do Campeonato Paulista, o atacante Marinho teria proferido seguidas ofensas ao árbitro Salim Fende Chavez. 

Os xingamentos, segundo o juiz relatou na súmula, teriam ocorrido depois do apito final do jogo. 

"Após o término da partida, o Sr. Mario Sérgio Santos Costa, número 11 da equipe do Santos, adentrou o campo de jogo em direção à equipe de arbitragem dizendo as seguintes palavras: 'Seu m**, ladrão, filho da p* . Você veio roubar aqui. Foram 10 faltas em cima de mim, seu b**'", escreveu Salim. 

Marinho foi o autor do primeiro gol do jogo, ainda no início do primeiro tempo, mas foi expulso após receber dois cartões amarelos. Depois do jogo, o atacante usou as suas redes sociais para pedir desculpas aos torcedores do Santos.

Tudo sobre: