Conmebol define uniformes de Santos e Palmeiras para final da Libertadores

A definição da entidade que comanda o futebol sul-americano foi baseada nos três uniformes que os dois clubes apresentaram no início da competição

O Santos fará a final da Libertadores contra o Palmeiras, às 17 horas do próximo dia 30, no estádio do Maracanã, com o seu uniforme número dois. Em decisão tomada nesta segunda-feira (18), a Conmebol definiu que o Peixe irá atuar de camisa listrada e shorts preto, enquanto o Verdão entrará em campo de camisa verde e shorts branco. 

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços! 

O Santos também usará meiões brancos, e o Palmeiras verdes. 

A definição da entidade que comanda o futebol sul-americano foi baseada nos três uniformes que os dois clubes apresentaram no início da competição. E pensando no melhor contraste das peças, para evitar qualquer conflito de cores, a Conmebol fez tais escolhas. 

Santos vai entrar disputar a final da Libertadores com o uniforme número 2 (Foto: Conmebol)

Será a segunda partida do Santos na Libertadores de camisa listrada e shorts preto. A primeira ocorreu em Quito, quando os comandados de Cuca venceram a LDU, por 2 a 1, no primeiro duelo das oitavas de final. Na ocasião, porém, o Peixe atuou de meiões pretos.

O confronto entre os rivais paulistas terá o argentino Patrício Loustau como árbitro, os auxiliares Ezequiel Brailovsky e Diego Bonfa, enquanto o comando do VAR será de Mauro Vigliano, todos argentinos. 

A decisão da principal competição do continente será disputada em jogo único. Em caso de empate no tempo regulamentar, Santos e Palmeiras farão uma prorrogação com dois tempos de 15 minutos. Um novo empate fará com que o campeão seja conhecido por meio de cobranças de pênaltis.

Tudo sobre: