EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

17 de Junho de 2019

Com gol de Sasha, Santos vence clássico contra o Corinthians na Vila Belmiro

Atacante marcou seu quinto gol no Campeonato Brasileiro. Peixe vai para a pausa da Copa América com 20 pontos de 27 possíveis

No último jogo antes da parada para a Copa América, o Santos fez valer o mando de campo e venceu o clássico contra o Corinthians em jogo válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na Vila Belmiro, na noite desta quarta-feira (12), Dia dos Namorados, os casais santistas comemoraram e muito a vitória por 1 a 0. O gol foi marcado por Eduardo Sasha na segunda etapa.

Com a vitória, o Santos chegou aos 20 pontos ganhos e assumiu, interinamente, a liderança do Campeonato Brasileiro - Palmeiras tem 19 pontos, mas com dois jogos a menos. O Corinthians, que tem um jogo a menos, está na 10º colocação, com 12 pontos.

O elenco do Peixe terá 11 dias de folga antes da reapresentação. O próximo compromisso do time pelo Brasileirão será no dia 14 de julho. Em Salvador, o Santos mede forças com o Bahia, com horário ainda a ser definido. Já o Corinthians terá nove dias de folga antes da reapresentação do elenco. O Timão volta a campo também no dia 14 de julho, em casa, na Arena, contra o CSA, com horário a definir.

O jogo

Clássico teve um duelo a parte entre o uruguaio Bruno Mendéz e o venezuelano Soteldo (Foto:Vanessa Rodrigues/AT)

A partida começou equilibrada. Tanto é que nos primeiros minutos, a posse de bola estava praticamente igual para ambas as equipes. O Santos, no entanto, teve mais ocasiões de gol e esteve mais perto de inaugurar o marcador, mas parava na forte marcação do Corinthians, principalmente pelos lados.

O primeiro lance de perigo ocorreu logo aos quatro minutos de bola rolando. Diego Pituca disputou bola com Ralf no meio-campo e levou a melhor, tocando para Marinho na sequência, posicionado no corredor direito, e o atacante bateu bem, mas Walter fez grande defesa.

Aos 13 minutos, foi a vez dos visitantes terem uma chance. Danilo Avelar cruzou a bola na área e Everson afastou o perigo no meio do gol. O primeiro tempo se sucedeu com o Peixe tendo mais controle do jogo e o Corinthians não conseguiu repetir oportunidades de ferir o adversário e tentar a vitória.

No intervalo, Rodrygo, que não pôde atuar por conta do imbróglio envolvendo a CBF e sua convocação para a seleção olímpica, se despediu da torcida santista sob aplausos e gritos exaltando seu nome.

O Santos preparou uma homenagem para o atacante de 18 anos, vendido ao Real Madrid. Companheiros de equipe, ex-jogadores, amigos e familiares apareceram em vídeo dando adeus ao Menino da Vila.

Com a vitória no clássico, Santos vai para a pausa da Copa América com 20 pontos ganhos de 27 possíveis (Foto: Vanessa Rodrigues/AT)

Ao retornarem do vestiário, os donos da casa continuaram procurando o gol e o Corinthians tentava sair em contra-ataque quando roubava a bola. Porém, as conclusões em direção à meta por parte dos santistas não estavam saindo muito boas, com os atacantes se enrolando na área ou tendo chutes travados.

Quem abriu o placar foi o artilheiro do Santos no Brasileirão, Eduardo Sasha, com uma assistência de Jorge. A jogada começou com Soteldo pela ponta esquerda e passou de pé em pé sem que nenhum jogador do Corinthians afastasse. Sasha dominou na marca do cal e bateu rasteiro, para fazer 1 a 0.

Aos 29 minutos, o árbitro sinalizou uma falta a favor Corinthians. Clayson, da meia-lua, cobrou e a bola passou por cima de Everson, assustando o arqueiro santista e a torcida presente no estádio.

Quando o jogo se encaminhava para o fim, Sasha quase estica o placar e chega ao seu sexto gol no torneio nacional. O camisa 27 recebeu dentro da áreae mandou uma bola que tinha endereço, mas que acabou batendo na trave direita de Walter.

No fim do jogo, Sasha acertou um belo chute e quase marcou um golaço na Vila (Foto: Vanessa Rodrigues/AT)

Ficha técnica

Santos 1 x 0 Corinthians

Local - Vila Belmiro, em Santos-SP.

Santos - Everson; Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Jorge; Diego Pituca, Jean Lucas (Felipe Jonatan) e Alison (Carlos Sánchez); Marinho (Luiz Felipe), Eduardo Sasha e Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli.

Corinthians - Walter; Bruno Méndez, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Júnior Urso (Sornoza), Ralf e Jadson (Everaldo); Ramiro (Gustavo), Vágner Love e Clayson. Técnico: Fábio Carille.

Gol - Eduardo Sasha (13’/2T).

Cartões amarelos - Felipe Aguilar (7’2T) e Sasha (14’2T) do Santos; Danilo Avelar (1’2T), Vagner Love (15’2T), Bruno Méndez (21’2T), Clayson (43’2T) e Fábio Carille (após o apito final), do Corinthians.

Árbitro - Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ).

Assistentes - Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Carlos Berkenbrock (SC).

VAR - Bruno Arleu de Araujo (RJ).

Público - 11.831 pessoas.

Renda - R$ 438.955,00.