EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

9 de Agosto de 2020

Após eliminação no Paulista, torcedores do Santos picham escritório do clube na Capital

Protestos na madrugada também tiveram faixas em algumas avenidas de São Paulo

Horas após a derrota do Santos para a Ponte Preta, por 3 a 1, na Vila Belmiro, que resultou na eliminação santista do Campeonato Paulista, o presidente José Carlos Peres voltou a ser alvo de protestos por parte da torcida. Durante a madrugada desta sexta-feira (31), torcedores picharam "Fora Peres" na fachada do Business Center, em São Paulo. 

Além da pichação, os envolvidos na manifestação estenderam faixas contra o mandatário em diferentes pontos da Capital, como a Avenida Paulista e o Corredor Norte-Sul.

Os protestos contra Peres têm sido frequentes desde a semana passada. Na madrugada da última terça-feira (28), por exemplo, cartazes foram colados nos muros da Vila Belmiro e do mesmo Business Center.

Os torcedores estenderam faixa contra Peres na Avenida Paulista durante a madrugada 


Os responsáveis pelas manifestações querem a renúncia de Peres da presidência do clube. Eles alegam preocupação com a situação financeira do Santos, principalmente após o goleiro Everson e atacante Eduardo Sasha ajuizarem ações na Justiça do Trabalho para rescidirem os seus respectivos contratos com o Peixe.

Os dois jogadores reclamam de atrasos nos pagamentos e redução salarial de 70% nos meses de abril, maio e junho sem acordo individual ou coletivo com o sindicato dos atletas profissionais do Estado de São Paulo.

Pessoas próximas a Peres, no entanto, descartam qualquer possibilidade de renúnica por parte do presidente. 

Protestos também foram registrados em um dos viadutos do Corredor Norte-Sul, em São Paulo
Tudo sobre: