Pela primeira vez na história, Libertadores terá os quatro grandes paulistas

Santos, Palmeiras e São Paulo entrarão na fase de grupos, enquanto o Corinthians terá que passar pela etapa preliminar

Pela primeira vez em 59 anos de Copa Libertadores, os quatro grandes times paulistas participarão do torneio sul-americano em 2020. Santos, Palmeiras, São Paulo e Corinthians, exatamente nesta ordem, conseguiram a classificação antes do fim da edição deste ano do Campeonato Brasileiro.

Enquanto o Peixe, o Verdão e o Tricolor entrarão na competição na fase de grupos, que terá início em março, o Corinthians terá que passar pela etapa preliminar da Libertadores, disputada entre o fim de janeiro e o fim de fevereiro.

Não é inédito que quatro clubes do estado de São Paulo estejam na mesma edição da Libertadores. Em 2005, por exemplo, São Paulo, Santos, Palmeiras e Santo André competiram o torneio, vencido pela equipe do Morumbi. Em 2006, Corinthians, Palmeiras e São Paulo tiveram a companhia do Paulista, de Jundiaí, campeão da Copa do Brasil em 2005. Hoje, o time joga a Série A2 estadual.

O último dos paulistas a vencer a Libertadores foi o Corinthians, em 2012, diante do Boca Juniors. No agregado, o Timão fez 3 a 1 nos argentinos. No ano anterior, o Santos conquistou seu terceiro título continental ao bater o Peñarol por 2 a 1 no placar total.

Além de Santos, Palmeiras, São Paulo e Corinthians, a Libertadores do ano que vem contará com a presença do Flamengo, campeão do próprio torneio e do Brasileirão este ano, do Grêmio, do Athletico-PR e de um oitavo clube, ainda a ser definido. A briga pela última vaga é entre Internacional, Fortaleza e Goiás.

Com oito representantes brasileiros, a Libertadores de 2020 será a segunda seguida com final única. O jogo está marcado para o dia 21 de novembro e será no Maracanã, no Rio de Janeiro.

Tudo sobre: